22.7 C
Lucas do Rio Verde
sábado, 18 setembro, 2021
InícioCENÁRIO AGROSão Paulo lança programa AgroSP+Seguro e anuncia crédito para produtor

São Paulo lança programa AgroSP+Seguro e anuncia crédito para produtor

Para auxiliar produtores rurais prejudicados pela pandemia, seca e geada, o governo de São Paulo vai liberar em crédito emergencial R$ 100 milhões.
Por Flavia Albuquerque - Repórter da Agência Brasil - São Paulo

O governo de São Paulo anunciou hoje (12) o lançamento dos programas AgroSP+Seguro e Município AgroSP e a liberação de R$ 215 milhões para linhas de crédito e seguro rural, além da reativação do corredor sanitário nas divisas interestaduais. Também foram apresentados o projeto de lei para regulamentação da produção de queijo artesanal no estado e entregues os mapas de geolocalização da zona rural de 63 municípios.

Segundo as informações do governo estadual, o objetivo do Programa AgroSP+Seguro é garantir mais segurança no campo com a entrega de 250 viaturas específicas para a ronda na zona rural na primeira etapa do projeto. Serão caminhonetes 4×4 a diesel turbo e cabine dupla, com identidade visual do programa e adaptadas com giroflex e tecnologias como GPS e rádio comunicador. A estruturação do esquema de segurança será de responsabilidade das administrações municipais.


--Continua depois da publicidade--

Outro programa anunciado, o Município AgroSP, visa fomentar a implantação de políticas públicas voltadas ao setor do agronegócio em esfera municipal, incentivando as prefeituras a ampliarem suas ações sociais para melhoras as condições das pessoas que vivem na zona rural. No primeiro ciclo estarão aptos a participar 508 municípios dos 645 existentes no estado.

Crédito

Para auxiliar produtores rurais prejudicados pela pandemia, seca e geada, o governo estadual liberará em crédito emergencial R$ 100 milhões, que serão disponibilizados pelo Desenvolve-SP, por meio do Fundo de Expansão do Agronegócio Paulista. Outros R$ 30 milhões serão destinados ao Seguro Rural, totalizando R$ 57 milhões em 2021.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico também vai disponibilizar, por meio do Banco do Povo e em parceria com o Sebrae, recursos de até R$ 50 milhões para atender agricultores afetados pelas recentes geadas em várias regiões do estado. Cada produtor poderá obter crédito de até R$ 21 mil.

Mais uma medida é a reativação dos corredores sanitários para colocar o estado no status de região livre de febre aftosa, sem vacinação, para assim valorizar os produtos de origem animal produzidos no estado junto aos mercados consumidores nacional e internacional.


--Continua depois da publicidade--

“As fronteiras serão monitoradas por meio da implantação de 14 barreiras fixas e 22 móveis, com veículos adaptados e equipados. As ações vão abranger as divisas dos estados do Paraná, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais e Rio de Janeiro”, explicou o governo estadual.

Gustavo Praiadohttps://www.cenariomt.com.br
Atualmente, trabalha na equipe do portal CenárioMT, produzindo conteúdo sobre economia, esportes e direitos da população brasileira, gosta de assistir séries, filmes de ação e de videogames. Editor também em conteúdos regionais, sempre atento as tendências que o internauta procura para ficar bem informado.

Redes sociais

107,314FãsCurtir
17,057SeguidoresSeguir
2,036SeguidoresSeguir

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Prefeitura de Lucas do Rio Verde publica novo decreto e atualiza medidas contra a Covid-19
setembro 17, 2021
CENSO
Prefeito diz que população de Lucas do Rio Verde é bem maior que a estimativa divulgada pelo IBGE
setembro 17, 2021
Vida Nova II
10 cadastros foram desclassificados nos últimos dias em Lucas do Rio Verde
setembro 17, 2021
Lucas do Rio Verde
Feirantes de Lucas do Rio Verde apresentam necessidades e Agricultura estuda parceria com Sebrae
setembro 17, 2021