15.5 C
Lucas do Rio Verde
quarta-feira, 10 agosto, 2022
Publicidade
InícioCENÁRIO AGROMato Grosso lidera produção de grãos no país

Mato Grosso lidera produção de grãos no país

Texto por MARIANNA PERES Diário de Cuiabá

A produção brasileira de grãos fechou o ciclo 2017/2018 com 228,3 milhões de toneladas colhidas. Foi a segunda maior safra de grãos, atrás apenas da safra anterior, conforme o 12º levantamento da safra divulgado em setembro pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). O sucesso do país foi mais uma vez alicerçado pela produção mato-grossense, que pelo sétimo ano seguido liderou a oferta nacional.

No ciclo 2017/18 Mato Grosso colheu volume recorde ao somar 61,71 milhões de toneladas. O saldo desse ciclo foi conquistado graças às produções recordes de soja e de algodão, 32,30 milhões de toneladas e 1,29 milhão de toneladas de pluma, respectivamente.


--Continua depois da publicidade--

Para 2018/19, a safra estadual segue com papel fundamental dentro do cenário agrícola nacional, já que a participação sobre o total deverá representar participação de 26,55%, com o Estado colhendo cerca de 63,36 milhões de toneladas, volume que se confirmar, será ainda maior (+2,7%), atingindo novo recorde.

BRASIL

A produção de soja alcançou recorde de 119,3 milhões de toneladas (4,6% superior à safra passada). O milho registrou produção de 54,5 milhões de toneladas, o arroz, 12,07 milhões de toneladas, o algodão resultou em 2 milhões de toneladas de pluma e o trigo, com aumento de 6,4% na área semeada em relação à safra anterior, resultou na produção de 5,2 milhões de toneladas.

Apesar de a estiagem ter atrasado o plantio, a soja foi um dos destaques da safra. O espaço destinado ao grão nas lavouras cresceu, sobretudo, em áreas destinadas anteriormente à produção de milho 1ª safra, devido a melhor rentabilidade proporcionada ao produtor.


--Continua depois da publicidade--

Outra cultura que ganhou destaque foi o algodão, que teve crescimento de aproximadamente 25% e produtividade (algodão em caroço) de 4.267 quilos por hectare. O produto registrou produção de 5 milhões de toneladas.

O desempenho da safra só não foi melhor devido à produtividade que registrou queda nacionalmente de 5,2%, impulsionada, principalmente, pelo desempenho do milho segunda safra em quase todas as regiões brasileiras. A área plantada foi estimada em 61,7 milhões de hectares, com crescimento de 1,4% ou 852,8 mil hectares se comparada à safra 2016/17.

PRÓXIMA SAFRA

Já para a próxima safra (2018/2019), o 3º Levantamento divulgado neste mês, revela que o país deverá colher 238,4 milhões de toneladas, o que representa aumento de 10,6 milhões de t ou de 4,6% de um ano para outro. Os principais produtos responsáveis pelo resultado são soja, milho, arroz e algodão, as maiores culturas do país, que juntas correspondem a 95% da produção total.

Caso a estimativa se confirme, praticamente, se repetirá o resultado recorde da safra 2016/2017, de 238,8 milhões de toneladas.

© CenárioMT
© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal! Notícias em primeira-mão e informações de bastidores sobre o que acontece em Mato Grosso.

Publicidade


Publicidade

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Assistência Social realiza encontro sobre violência doméstica com merendeiras escolares
agosto 09, 2022
Lucas do Rio Verde
Prefeitura abre novas vagas para a Brigada Municipal Mista em Lucas do Rio Verde
agosto 09, 2022
Semana do Bebê
Prefeitura de Lucas do Rio Verde divulga programação da Semana do Bebê
agosto 09, 2022
Lucas do Rio Verde
Projeto de implantação do campus da UFMT é apresentado para a Gestão Miguel Vaz
agosto 09, 2022