18.5 C
Lucas do Rio Verde
domingo, 03 julho, 2022
Publicidade
InícioCENÁRIO AGROIrrigantes e aquicultores precisam atualizar cadastro para manter desconto na conta de...

Irrigantes e aquicultores precisam atualizar cadastro para manter desconto na conta de luz

Recadastramento dos produtores rurais pode ser feito pelo WhatsApp, sem necessidade de se deslocar a uma das agências de atendimento da Energisa
Texto por CenarioMT

Os produtores rurais de Mato Grosso precisam atualizar o cadastro na Energisa para garantir a manutenção do desconto na conta de luz. Neste momento, a orientação se aplica a mais de 400 propriedades rurais mato-grossenses, com energia classificada em “rural” e “irrigantes”, em baixa tensão – unidades consumidoras que necessitam de menos potência de energia para a realização de suas atividades.

O recadastramento é uma determinação da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Realizado a cada três anos, ele tem como finalidade validar se os clientes que recebem benefícios tarifários ainda atendem aos critérios necessários. Para manter o desconto na conta de luz, é preciso estar com o cadastro sempre atualizado.

O desconto na tarifa chega a 67% do consumo gerado entre 21h30 e 06h, conforme o determinado no Programa Tarifa Rural de Energia Elétrica, que é regulamentado pela Agência Nacional de Energia Elétrica.

No ano passado, uma parcela dos produtores rurais, atendida em alta tensão, já realizou a atualização cadastral. Este ano estão sendo convocados aqueles atendidos em baixa tensão com maiores médias de consumo; e em 2023, serão chamados a realizar o recadastramento aqueles consumidores atendidos em baixa tensão e que se encontram em faixas menores de consumo.

A Tarifa Rural é uma das mais importantes iniciativas do setor elétrico. Têm direito ao benefício clientes que exercem atividades como agropecuária rural ou urbana, residencial rural, cooperativa de eletrificação rural, agroindustrial, aquicultura e irrigação, serviço público de irrigação rural e escola agro técnica.

Passo a passo para o cadastro

A atualização do cadastro deve ser realizada até o dia 30 de novembro, pela internet, sem a necessidade de se deslocar a uma das agências da Energisa, clicando aqui. Ao abrir a página, basta informar o estado em que está localizada a unidade consumidora, escolher a opção “Outros Assuntos” e clicar em “Conversar no WhatsApp”. Em seguida, clicar em iniciar “Iniciar Conversa”.

Após o primeiro contato, o cliente deve digitar a opção “9 – Ver todos os serviços” e, depois, o item “21 0 Recadastramento rural”. Em seguida, o cliente deverá digitar “sim” para a pergunta “Você gostaria de falar com um atendente humano?”. O atendente irá orientar o passo a passo de como fazer, enviar as fotos dos documentos e concluir a atualização.

Alguns documentos necessários são: documento emitido por entidade representativa que comprove a atividade desenvolvida, com o código CNAE, licenciamento ambiental e a outorga de utilização dos recursos hídricos e, caso não aplicável, a comprovação de sua não aplicabilidade.

Importante: neste período de revisão cadastral de 2021 a 2023, para comprovação da atividade de irrigação e aquicultura, será aceita a autodeclaração do consumidor, conforme modelo disponibilizado pela Aneel.

João Ricardo
João Ricardohttps://www.cenariomt.com.br
Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do CenárioMT produzindo conteúdo sobre a região norte de Mato Grosso.

Publicidade


Publicidade

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Cultura realiza exposição de telas e quadros no Paço Municipal
julho 02, 2022
Lucas do Rio Verde
Invasão de área pública é crime e pode desclassificar famílias em programas habitacionais
julho 02, 2022
CAUTELAR INOMINADA
Ministério Público anula liberdade provisória de preso em Lucas do Rio Verde
julho 02, 2022
EMPOSSADO
Dr. Wagner Godoy assume cadeira na Câmara de Lucas do Rio Verde
julho 02, 2022