Disponibilidade de carne bovina aumenta e preços caem no mercado interno

Fonte: CenárioMT

Abertura de mercado em Singapura para extrato de carne bovina

O volume de carne bovina disponível no mercado interno aumentou significativamente de abril para maio, período conhecido como “final de safra”. De acordo com o Cepea, 613,54 mil toneladas de carne estiveram disponíveis no atacado nacional em maio, um aumento de 11,6% em relação a abril.

No acumulado do ano, a disponibilidade interna de carne bovina atingiu cerca de 2,972 milhões de toneladas, a maior quantidade para o período de janeiro a maio desde 2018. Esse aumento na oferta é evidenciado pelos preços do boi em queda ao longo do ano, mostrando que a demanda interna não acompanhou a oferta.

Enquanto isso, as exportações de carne bovina seguem firmes e atingiram recordes de janeiro a maio. No mercado doméstico, o consumo é refletido pelas alterações nos preços da carne, que recuam este ano, embora menos que os valores do boi.

Essa combinação de alta oferta e demanda estagnada pressiona os preços para baixo, criando um cenário desafiador para o setor. A continuidade das exportações robustas é essencial para equilibrar o mercado e evitar maiores quedas nos preços internos.

É formado em Jornalismo. Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do CenárioMT produzindo conteúdo sobre política, economia e esporte regional.