22.5 C
Lucas do Rio Verde
terça-feira, 18 maio, 2021
InícioCENÁRIO AGROBrasil e Japão anunciam colaboração para agricultura de precisão e digital

Brasil e Japão anunciam colaboração para agricultura de precisão e digital

A agricultura de precisão é importante ferramenta para aumentar a produtividade, reduzir custos e diminuir os impactos ambientais
Por Cenário MT com inf. MAPA

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e o governo japonês, por meio da Agência de Cooperação Internacional do Japão (JICA), realizarão projeto de desenvolvimento colaborativo na área de agricultura de precisão e digital. O documento de registro de discussões foi assinado pelo secretário de Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação, Fernando Camargo, e o chefe da JICA no Brasil, Masayuki Eguchi, em reunião nesta terça-feira (27), em Brasília.

A partir de um entendimento mútuo, ambas as partes acordam em estabelecer o “Projeto de Desenvolvimento Colaborativo da Agricultura de Precisão e Digital para o Fortalecimento do Ecossistema de Inovação e a Sustentabilidade do Agro Brasileiro”, tendo como pilares a inovação e a sustentabilidade no agronegócio brasileiro. A agricultura de precisão faz uso da tecnologia para planejar a produção agrícola, reduzir custos, aumentar a produtividade e diminuir os impactos ambientais, sendo um dos pilares da agropecuária do futuro.


--Continua depois da publicidade--

“Brasil e Japão são parceiros de longa data. O trabalho conjunto permitiu que o Brasil se tornasse o líder da agricultura tropical mundial e, hoje, avançamos na agricultura do século XXI, que tem como missão preservar produzindo”, declarou o secretário Fernando Camargo ao lembrar a parceria com o país asiático para a conquista do Cerrado e o desenvolvimento tecnológico da produção no Centro-Oeste brasileiro.

O chefe da JICA, Masayuki Eguchi, destacou o papel do Brasil como fornecedor de alimentos para o mundo de forma sustentável, atendendo mais de 1 bilhão de pessoas. “Este projeto é muito importante para nós e para o mundo, já que o Brasil é o fornecedor mundial de alimentos e temos a perspectiva de aumento populacional, além de ser potencial produtor de bioenergia”.

Eguchi ainda reforçou a confiança na parceria, já que a cooperação é a primeira assinada pela JICA desde o início da pandemia do coronavírus.

As discussões que culminaram com a assinatura do documento de início do projeto estratégico foram iniciadas ainda em 2018, explicou o secretário-adjunto Cleber Soares. “É uma honra estarmos aqui hoje, comungando esforços para a agricultura de precisão no Brasil, haja vista a pujança do Estado japonês em tecnologia digital e de sustentabilidade”.


--Continua depois da publicidade--

A JICA prevê uma visita técnica ao Japão, no segundo semestre de 2021, para elaboração de subsídios para o projeto definitivo.

A agência japonesa atua com projetos de cooperação no Brasil há 62 anos. Dez de seus projetos no país são voltados à agricultura e abrangem temas de irrigação e sistemas agroflorestais.

Participaram ainda do evento a diretora do Departamento de Apoio à Inovação para a Agropecuária do Mapa, Sibelle Silva; os representantes da agência japonesa Shinji Sato e Nobuyuki Kimura; e o coordenador-geral da Agência ABC, Yuri Wofsi. O pesquisador da Embrapa Ricardo Inamasu também acompanhou a reunião de forma on-line.


- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

DESENVOLVIMENTO
Duplicação da BR 163 deverá ser uma das bandeiras do Cidesa nos próximos meses
maio 17, 2021
BOLETIM CORONAVÍRUS
Lucas do Rio Verde registra mais um óbito por covid-19 e número de mortes chega a 143
maio 17, 2021