23.5 C
Lucas do Rio Verde
sábado, 31 julho, 2021
InícioCENÁRIO AGROÁrea plantada deverá quebrar recorde em MT pelo 6º ano seguido

Área plantada deverá quebrar recorde em MT pelo 6º ano seguido

Conforme nova atualização do Imea, superfície cultivada no ciclo 2021/22 se aproxima de 11 milhões de hectares. Desde a safra 2016/17, a cultura segue trajetória de crescimento, reutilizando hectares
Por MARIANNA PERES - DIÁRIO DE CUIABÁ

O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) atualizou pela terceira vez as projeções para safra 2021/22 de soja no Estado. Mais uma vez, os números indicam expansão e quebra de recordes, tanto em área plantada como em produção. Se a previsão se confirmar, a superfície destinada à cultura, por exemplo, deverá somar mais de 10,81 milhões de hectares, sendo a sexta expansão espacial seguida, cravando uma nova marca histórica.

Se a área é recorde, há projeção de mais recordes na oferta do grão. A produção deve crescer 3,48% ante à safra passada, e totalizar neste novo ciclo inéditos 37,31 milhões de toneladas (t).


--Continua depois da publicidade--

Conforme levantado realizado junto aos agentes de mercado e informantes do Imea, essa expansão, se confirmada, será 3,31% acima do recorde anterior da temporada 20/21, quando foram cultivados 10,46 milhões de hectares (ha). Os analistas chamam à atenção que em relação a segunda estimativa – divulgada no começo de junho – há acréscimo de 0,12% na intenção de cultivo, “mostrando o otimismo do mercado em relação ao grão”.

Os preços médios em altos patamares, somados a uma relação de troca com insumos mais favorável aos produtores continuam auxiliando na tomada de decisão no Estado e favorecendo a expansão espacial. “Além disso, os players (agentes de mercado e produtores) já possuem estimativas mais precisas neste mês quando comparado ao levantamento anterior, o que contribuiu com o acréscimo”, completam aos analistas responsáveis pela atualização dos dados.

Com relação às regiões mato-grossenses, o aumento mais expressivo na área estimada é no norte, com uma elevação de 15,85% se comparado à safra anterior. Um dos motivos para o destaque desta região é a possibilidade de conversão de áreas de pastagens para a agricultura, o que, aliado aos preços em maiores patamares, traz boas perspectivas para a região.

O nordeste do Estado também apontou elevação, 4,34% ante à safra 20/21, o que representa um aumento espacial de 83,81 mil ha.


--Continua depois da publicidade--

Com relação às produtividades, para a safra 2021/22 serão mantidas as 57,52 sacas por hectares (sc/há) do relatório anterior, variação de 0,17% acima do observado na temporada 2020/21.

ENQUANTO ISSO NO EUA – Segundo a divulgação do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), divulgada no dia 30, a área plantada com a soja no país norte-americano registrou leve redução de 0,06%, ante o relatório de março/21. Com isso, é estimado que 35,43 milhões de hectares sejam semeados. Contudo, em função da demanda aquecida e os baixos estoques, os agentes do mercado esperavam uma maior área, de 36 milhões de hectares. Ainda, o USDA divulgou os estoques trimestrais de soja, que ficaram 2,57% abaixo da expectativa do mercado: 20,87 milhões de toneladas, contra 21,42 milhões de toneladas de média das estimativas. Essa surpresa nos números do relatório foi o que deu suporte para a elevação de 6,22% na cotação disponível (contrato de jul/21) em Chicago no fechamento da sessão da quarta-feira anterior, isso por que, os dados do Departamento indicam uma menor oferta da oleaginosa.

Gustavo Praiadohttps://www.cenariomt.com.br
Gosta de economia, assistir séries, filmes de ação e gosta de videogames. Editor no CenárioMT nos cadernos de Economia e Mundo, mas nem por isso deixa uma notícia regional em branco, sempre atento as tendências que o internauta procura para ficar bem informado.
- Publicidade -

Lucas do Rio Verde

DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO
Lucas Forte de Novo tem 54% das propostas aprovadas
julho 31, 2021
POLÍTICA
Com fim do recesso, Câmara de Lucas retoma sessões ordinárias na próxima segunda
julho 31, 2021