30.1 C
Lucas do Rio Verde
segunda-feira, 25 janeiro, 2021
Início CENÁRIO AGRO A Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), sugere o retorno presencial no plenário,...

A Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), sugere o retorno presencial no plenário, das atividades do Congresso Nacional

Por * O jornalista Mauricio Picazo Galhardo

ALEMANHA
Os Ministérios das Relações Exteriores e da Agricultura, Pecuária e Abastecimento saúdaram a conclusão no dia, 24/11/2020, de acordo que prevê a doação, pelo banco estatal alemão “Kreditanstalt für Wiederaufbau” (KfW), de até 25,5 milhões de Euros ao projeto “Inovação nas Cadeias Produtivas da Agropecuária para a Conservação Florestal na Amazônia Legal”. O objetivo do projeto é o de expandir e fortalecer práticas produtivas sustentáveis nas cadeias da carne, soja e madeira em estados da Amazônia Legal.

REGISTRO
O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) lançou a Plataforma Digital de Registro e Gestão de Tratores e Equipamentos Agrícolas (ID Agro), que vai permitir o registro oficial de tratores e equipamentos agrícolas, sem custo para o produtor rural. O sistema foi desenvolvido em parceira entre a Secretaria de Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação do Mapa e o Instituto CNA (ICNA). O registro vai permitir o trânsito de veículos em vias públicas, sem necessidade de licenciamento e emplacamento,  além de facilitar a comercialização de tratores usados, o acesso ao crédito e as ações de segurança em relação a roubos e furtos.

PARLAMENTARES
Diante do conhecimento adquirido e protocolos de segurança já estabelecidos nos últimos meses para o combate do Covid-19 no Brasil, é urgente a necessidade de respondermos aos anseios da sociedade por soluções efetivas na geração de emprego, renda e no equilíbrio da economia. Desta forma, a Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), composta por 245 deputados federais e 39 senadores, entende que é urgente e necessário o retorno das atividades do Congresso Nacional, cujo debate tem sido prejudicado por sessões remotas que analisam apenas o que é de consenso geral.

FRUTAS
Frutas brasileiras deverão ser mais exportadas para países árabes no próximo ano, apontou o diretor executivo da Associação Brasileira dos Produtores Exportadores de Frutas e Derivados (Abrafrutas), Eduardo Brandão. Quando se fala em embarques ao Oriente Médio e Ásia, as principais frutas são melão, uva, manga e limão-taiti, apontam dados da associação.

VULNERÁVEIS
Duas operações de leilões de compra, realizadas pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) dias (26 e 27), possibilitaram a aquisição de mais de 330 toneladas de produtos básicos para formação de 15.350 cestas de alimentos para doação a comunidades com insegurança alimentar e nutricional. Nos leilões do dia (26), a operação objetivou o atendimento de comunidades indígenas e quilombolas de Mato Grosso e da Paraíba, que permite a confecção de 10.850 cestas.

IMAGEM
Nos últimos 20 anos, o Brasil apresentou significativa ascensão no mercado internacional, tornando-se um dos principais exportadores de produtos agropecuários do mundo. Entretanto, a manutenção deste posto, bem como a expansão destas exportações, está ameaçada por alguns fatores que deverão receber especial atenção nos próximos anos, escreveu a pesquisadora do Cepea, Taís Cristina em artigo publicado.

CÚPULA
Um amplo panorama sobre a bioeconomia na América Latina e no Caribe e experiências concretas em áreas como química verde e biocombustíveis na Argentina, Brasil, Colômbia e Costa Rica, bem como seus impactos em termos ambientais, de desenvolvimento rural e de geração de empregos, foram apresentados em um seminário realizado na Global Bioeconomy Summit 2020, principal evento mundial sobre bioeconomia.

CRESCIMENTO
A quantidade de cana-de-açúcar processada pelas usinas do Centro-Sul totalizou 20,34 milhões de toneladas na 1ª metade de novembro, aumento de 2,24% sobre o valor apurado na mesma quinzena da safra 2019/2020. No acumulado desde o início do período 2020/2021 até 16 de novembro, a moagem somou 585,73 milhões de toneladas – crescimento de 3,69% no comparativo com o mesmo período agrícola.

FRUTAS E HORTALIÇAS
Pesquisa Nacional de Saúde indicou também que 40% praticam menos atividades físicas que o recomendado. A grande maioria dos brasileiros não consome a quantidade recomendada de frutas e hortaliças. Segundo a Pesquisa Nacional de Saúde (PNS), do IBGE, divulgada, apenas 13% dos adultos tiveram esse consumo de maneira ideal em 2019, afirma matéria publicada no jornal O Globo.

* O jornalista Mauricio Picazo Galhardo tem 63 anos, é paulistano. Esteve por dois anos morando no exterior; na República Oriental do Uruguai, República do Paraguai e República Argentina. Em 2013 se interessou pelo setor do agronegócio, e agora tem esta coluna semanal de noticias do agronegócio em geral. Também é o autor do quadrinho semanal Agro-Cartoon, publicado no site:
www.agro-cartoons.blogspot.com.br. Email: [email protected]



© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal!
- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

ESPORTE
Inscrições para Festival de Esportes de Praia começam hoje (25)
janeiro 25, 2021
Covid-19
Boletim Coronavírus de Lucas do Rio Verde [2021 atualizado]
janeiro 25, 2021