Segundo óbito por Covid-19 é registrado em Alto Araguaia

Mulher, de 43 anos, com comorbidades, testou positivo durante isolamento domiciliar com outros pacientes acometidos pela doença.

0
BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO

O boletim epidemiológico de Alto Araguaia (415 km de Cuiabá) atualizado na noite desta sexta-feira (05), registrou o segundo óbito por coronavírus (Covid-19) no município. Trata-se de uma paciente de 43 anos, com comorbidades, que apresentou sinais e sintomas no dia 26 de maio em isolamento domiciliar com pacientes positivos. Lígia Suely Lopes de Oliveira ficou sob cuidados médicos desde então, porém não resistiu e veio à óbito no final da tarde desta sexta. O caso ainda não consta no boletim da Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso (SES-MT).

A paciente recebeu os primeiros atendimentos no Hospital Municipal Deputado Cacildo Hugueney ainda no dia 26 de maio. Hospitalizada, a araguaiense foi regulada para o hospital Santa Casa, no município de Rondonópolis (206 km de Alto Araguaia). De acordo com o boletim médico, a paciente apresentou complicações no quadro clínico.

Conforme a Vigilância em Saúde do município, Lígia e familiares foram notificados e mantidos em isolamento domiciliar e monitoramento desde o dia 16 de maio. Seguindo os protocolos do Ministério da Saúde, os resultados de exames em laboratório testaram negativo para a paciente e positivo para outros seis familiares. Durante o período de isolamento e recuperação, a mesma apresentou sintomas, foi hospitalizada e realizou um segundo exame testando positivo. Da família, quatro estão recuperados, um assintomático e um caso, pertencente ao grupo de risco por doenças crônicas e idade, veio à óbito no último dia 26 de maio.

Nas redes sociais, o prefeito Gustavo Melo emitiu uma nota de pesar. “Externo solidariedade aos familiares e amigos. Infelizmente perdemos mais um araguaiense pelo vírus. Pedimos que todos respeitem o cumprimento das medidas para que possamos atravessar este momento”, disse.

 A secretária de Saúde, Manoela Nunes, reforça o alerta. “Temos diversas medidas preconizadas pelo Estado e município. Não serão estes órgãos que irão controlar sozinho o avanço do vírus se a população não colaborar, principalmente fazendo o uso de máscara, a higienização, evitando viajar e se aglomerar em festas e confraternizações. É questão de bom senso, respeito e saúde”, frisa.

CENÁRIO DE CASOS – De acordo com a Vigilância em Saúde por meio da Secretaria Municipal de Saúde, até o início da noite desta sexta-feira (05), Alto Araguaia registra cinco casos suspeitos e investigação. O boletim mostra o total de 47 notificações, destas 10 positivos e 22 negativos para coronavírus. O cenário aponta também 12 casos liberados do isolamento domiciliar por não apresentarem mais sintomas, oito casos recuperados e dois óbitos.


Amazonia 03 de Junho