Secretário de Saúde de Sorriso diz que deve estar escrito ‘bobalhão’ na testa dele

0

Secretário de Saúde de Sorriso (420 km ao norte de Cuiabá), Luis Fábio Marchioro voltou a cobrar dos moradores medidas para evitar a disseminação do novo coronavírus. A cidade, que teve o 1º caso confirmado no dia 1º de maio, já tem 143 casos confirmados.

Ele pediu para que as pessoas andem de máscaras, não porque é obrigatório e pode gerar multa de R$ 80, mas porque é a forma de se proteger e proteger os outros.

E voltou a falar que aglomerações estão proibidas e que não pode realizar festas. “Não fazer festa. Sou o bobo aqui falando isso. Até parece que está escrito bobo, bobalhão aqui na minha testa. Mas vou continuar repetindo”, desabafou.

O secretário informou nesta quarta-feira (03) que todos os leitos de UTI de Sorriso e Sinop estão lotados.


Amazonia 03 de Junho