Sobrinha de senador morre aos 35, onze dias depois de sofrer aneurisma cerebral

0

A designer ceramista Marianna Campos Sguarezi Sacioto, de 35 anos, faleceu na manhã desta terça-feira (26), em São Paulo. Ela teve um aneurisma cerebral no último dia 15 de maio, e ficou internada no Hospital Jardim Cuiabá até a noite de segunda-feira (25), quando foi transferida para a capital paulista.

Marianna é filha de Ivete Campos Sguarezzi, sobrinha do ex-governador Júlio Campos (DEM) e do atual senador Jaime Campos (DEM). Segundo fontes próximas à família, Marianna chegou a São Paulo à 1h30 da madrugada, e às 9h30 de terça-feira (26), ela não resistiu e foi anunciada sua morte encefálica.

Agora, como ela estava sedada, é necessário aguardar 24 horas para que saia a sedação. Depois disso, será feito outro exame, e então seu corpo será transferido para Mato Grosso.

Marianna tinha pressão alta e era fumante. Além disso, seu pai também já teve um aneurisma cerebral. Ela deixa um filho de dois anos de idade. O Olhar Direto lamenta o falecimento.


Amazonia 03 de Junho