Mais de 22 milhões de pessoas já se cadastraram para o auxílio emergencial em 24 horas

0
Imagem de mktgraccia por Pixabay

Em aproximadamente 24 horas após o anúncio oficial realizado pelo Governo Federal mais de 22 milhões de pessoas fizeram o cadastro no sistema da Caixa Econômica Federal para solicitar o Auxílio Emergencial de R$ 600 por cada conta, como forma de combate a pandemia do novo coronavirus.

Os números foram atualizados pela Caixa hoje, 8, durante a manhã. A instituição bancária havia liberado na segunda, 7, o acesso ao site e aplicativo destinado exclusivamente para o cadastramento.

Os pedidos já incluídos no sistema serão avaliados e no próprio sistema da Caixa os solicitantes saberão se foram autorizados ou não a receber o pagamento. O cadastro é feito apenas para pessoas que preenchem os requisitos do programa e que não estão na base de dados do Cadastro Único para os Programas Sociais do Governo Federal (Cadúnico).

Dessa forma, quem já está inscrito nos sistemas do governo não vai precisar realizar esse procedimento, o qual é destinado aos trabalhadores informais, aos contribuintes individuais do INSS e aos microempreendedores individuais que não fazem parte de nenhum programa do governo.

A estimativa é pagar o benefício para aproximadamente 54 milhões de brasileiros, inclusive os beneficiários do Bolsa Família e as pessoas inscritas no CADÚnico, que vão receber o benefício automaticamente e, portanto, não há necessidade de fazer o cadastro.

A Caixa ainda informou que houve aproximadamente 115 milhões de acessos ao site e 18 milhões de downloads do aplicativo. Já a Central Telefônica (que atende pelo número 111) recebeu mais de 795 mil ligações em um período de 24 horas. Dos cadastros realizados cerca de 39% escolheram a abertura de conta digital.

A expectativa é de que os pagamentos do auxílio sejam realizados a partir de amanhã, 9.

Governo libera saque de R$ 1045 para FGTS


Amazonia 03 de Junho