Astronautas dão dicas para enfrentar o isolamento social

0
Foto: Nasa

Se há uma habilidade que os astronautas precisam desenvolver é a da convivência em grupo, sobretudo dentro de espaços pequenos, durante muito tempo. Essa habilidade é chamada por psicólogos e astronautas como “comportamento expedicionário”.

A astronauta americana Anne C. McClain, da Nasa, publicou dicas em uma rede social para que a população possa enfrentar os tempos de isolamento devido ao avanço dos casos de Covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus, com base no treinamento de “comportamento expedicionário”.


-Continua depois da publicidade ©-

As dicas foram compiladas e divulgadas pela Nasa. Confira:

1. Comunicação

Esta dica pode ser aplicada tanto para quem está isolado em quarentena, mas convive com familiares, como para quem está trabalhando em casa e precisa dividir espaço com outras pessoas.

De acordo com a McClain, a habilidade de comunicação é necessária para que as pessoas sejam ouvidas e entendidas claramente – e evitar conflitos em um espaço pequeno.

“Compartilhe informações e sentimentos livremente”, afirma a Nasa, com base nas dicas de McClain.

“Fale sobre suas intenções antes de agir. Use terminologia adequada. Discuta quando suas ações ou de outras pessoas não ocorreram como o esperado. Tire um tempo para analisar a ação após o sucesso ou conflito. Ouça, depois redefina o que disse para garantir que tudo seja entendido”, afirma a Nasa.

E, principalmente, “admita quando estiver errado”, caso isso ocorra.

2. Liderança

Ter um bom líder dentro do grupo que está em isolamento ajuda o grupo a se adaptar às situações. “Um líder aprimora a capacidade do grupo de executar seu objetivo por meio de influência positiva. Um seguidor (também conhecido como líder subordinado) contribui ativamente para a direção do líder. Estabeleça um ambiente de confiança”, afirma a Nasa.

Segundo as dicas de McClain, para ter um bom “comportamento expedicionário”, é preciso que o líder e os seguidores aceitem seus papeis e tarefas com responsabilidade.

“Ajuste seu estilo ao seu ambiente. Atribua tarefas e defina metas. Lidere pelo exemplo. Dê orientação, informação, feedback, treinamento e incentivo. Garanta que seus colegas de equipe tenham recursos. Fale quando algo não estiver certo. Pergunte. Ofereça soluções, não apenas problemas.”

3. Autocuidado

Ter “autocuidado” significa saber se você está saudável física e psicologicamente. Isso inclui higiene, gerenciamento de tempo, sono e humor. “Através do autocuidado, você demonstra sua capacidade de ser proativo para se manter saudável”, afirma a Nasa.

Segundo a Agência Espacial Americana, cada pessoa precisa avaliar seus pontos fortes e fracos e como eles influenciam no grupo. “Aprenda com os erros. Identifique tendências pessoais e a influência no sucesso ou fracasso do grupo. Seja aberto sobre suas fraquezas e sentimentos. Tome medidas para mitigar seu próprio estresse ou negatividade (e não passe para o grupo). Seja social. Procure feedback. Equilibre trabalho, descanso e tempo pessoal. Se organize”, afirma.

4. Cuidado com o grupo

O grupo também precisa estar saudável física e psicologicamente. A saúde do grupo poderá ser abalada pelo estresse, fadiga, doença, quantidade de suprimentos, recursos, e a carga de trabalho. Segundo a Nasa, é preciso reconhecer estes elementos para manter o desempenho, apesar dos desafios.

“Demonstre paciência e respeito. Incentive os outros. Monitore sua equipe quanto a sinais de estresse ou fadiga. Incentive a participação nas atividades da equipe. Desenvolva relacionamentos positivos. Voluntarie-se para as tarefas desagradáveis. Ofereça e aceite ajuda. Compartilhe o crédito e assuma a culpa”, afirma a Nasa.

5. Convivência em grupo

Saiba cooperar e agir em grupo para atingir uma meta. Segundo a Nasa, é importante cooperar em vez de competir.

“Cultive ativamente a cultura de grupo (use a cultura de cada indivíduo para construir o todo). Respeite as funções, responsabilidades e carga de trabalho. Assuma a responsabilidade; elogie bastante. Trabalhe para garantir uma atitude positiva da equipe. Mantenha a calma em conflito”, afirma a Nasa.