PDT lança vice-governador Otaviano Pivetta como pré-candidato ao Senado

0
Otaviano Pivetta
Vice Governador Otaviano Pivetta - Foto: Mayke Toscano/Secom-MT

A direção do Partido Democrático Trabalhista (PDT) de Mato Grosso e dirigentes municipais do partido no Estado lançaram o vice-governador Otaviano Pivetta pré-candidato ao Senado, em encontro interno organizado no sábado (15), no Hotel Fazenda Mato Grosso. Ele se colocou como um “cidadão com a missão em qualquer cargo público de servir ao povo”. E arrematou: “Serei o parlamentar guiado pelo sentimento popular. Temos que tirar o Brasil do lombo do cidadão”, comparou a respeito da receita do setor público e o custo dos políticos.

Pivetta considera que os brasileiros estão “cansados das injustiças e desigualdades sociais”. Para ele, é preciso corrigir a distribuição de recursos públicos arrecadados do contribuinte e o impacto no custo de vida para a população que mais necessita.

“Proponho um movimento incansável e ininterrupto para corrigir essas injustiças que existem no orçamento. Quero ajudar na reforma tributária. É um absurdo que se arrecada na Previdência o mesmo percentual do assalariado da alíquota que é cobrada dos ricos”, citou.

O vice-governador e pré-candidato ao Senado, comentou que “não é justo, não é possível que se continue aumentando essas distorções que têm no Brasil”. Otaviano se mostrou animado ao fazer um compromisso.

“Se for a vontade de todos vocês do PDT e da maioria da população de Mato Grosso, eu me  comprometo: não vou decepcionar nenhum dos senhores”.

O presidente do PDT-MT, deputado e secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Allan Kardec, afirmou que o partido está unido em prol da pré-candidatura ao Senado de Pivetta.

“O Diretório do PDT de Mato Grosso, presidentes do partido nos municípios, prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e vereadoras legitimamos hoje Otaviano Pivetta como nosso pré-candidato ao Senado. Foi aclamado seu nome para ele construir sua candidatura, assim que a legislação permitir”, disse.

O pré-candidato a prefeito em Cuiabá pelo PDT, presidente da sigla na Capital, maestro Fabrício Carvalho, explicou que o partido começou a se programar para a disputa ao Senado.

“Fizemos um encontro animado, sólido, com lideranças de todo o Estado, com a presença do Otaviano Pivetta aqui que trouxe muita energia e ele saiu aclamado e com apoio fechado de todo o PDT de Mato Grosso. Saímos daqui com uma proposta clara sobre o que temos que falar e explicar como fazer para as pessoas para caminharmos juntos rumo ao Senado”, destacou o maestro Fabrício Carvalho.

De acordo com a assessoria, a campanha ao Senado de Otaviano Pivetta serve, também, ao PDT como preparativo para as Eleições Municipais deste ano, quando serão eleitos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores nos 141 municípios de Mato Grosso e do Brasil, em 4 de outubro.

O PDT tem seis prefeitos nas administrações no Estado (Nova Mutum, Adriano Pivetta; Diamantino, Eduardo Capistrano; Rubens Roberto Rosa, Nova Canaã do Norte; Nelson Paim, Poxoréu; Daniel do Lago, Porto Alegre do Norte e Euclésio Ferretto, Santa Terezinha). O partido tem 81 vereadores. A previsão é dobrar o número de prefeitos para 12, e eleger 120 vereadores em outubro.

Selma poderá ingressar no PDT pra apoiar Pivetta ao Senado

Lançamento de Pivetta como pré-candidato causa desconforto no PDT