Um catador de materiais recicláveis, de 44 anos, foi preso, na tarde de segunda-feira (27), suspeito de matar a pauladas um cavalo, na Praça Elmar Arantes, em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital. Segundo a Polícia Civil, um adolescente de 16 anos também foi apreendido.

O crime aconteceu na tarde de domingo (26). Um vídeo compartilhado nas redes sociais mostra quando o animal foi morto


-Continua depois da publicidade ©-

De acordo com o delegado Carlos Levergger, do 5º Distrito Policial de Aparecida de Goiânia, os suspeitos foram encontrados em uma via pública, na Vila Alzira.

“É uma família de pessoas que trabalham com recicláveis, e o cavalo pertencia à família deles. A alegação deles para matar o animal é que ele estava com a perna lesionada, mas no vídeo dá para ver que o animal estava andando, e nós consideramos que poderia ter providenciado atendimento médico veterinário”, acredita o delegado.

Ainda segundo Levergger, o homem preso suspeito do crime foi autuado por crime ambiental de maus-tratos, majorado pelo resultado morte, mas foi liberado para responder em liberdade. Em relação ao menor, foi lavrado um Boletim de Ocorrência Circunstanciado (BCO).

G1 não conseguiu localizar a defesa dos envolvidos.