Um farmacêutico foi preso na quinta-feira (12) por tentativa de estupro e importunação ofensiva ao pudor, no Bairro Tijucal, em Cuiabá.

De acordo com o boletim de ocorrência, os policiais foram procurados por duas mulheres, mãe e filha, uma adolescente de 17 anos.


-Continua depois da publicidade ©-

Elas alegaram que a adolescente foi até a farmácia e durante atendimento feito pelo farmacêutico, que é proprietário do local, ele fez várias perguntas de cunho sexual.

A jovem questionou o profissional sobre o motivo das perguntas e, segundo ela, o homem começou a molestá-la com carícias nas partes íntimas, levantando sua blusa. Conforme a narrativa, a adolescente saiu correndo e chorando, chegou em casa e contou o corrido para a mãe.

Os policiais foram até a farmácia e, durante conversa com o suspeito, ele alegou que apenas estava orientando a adolescente sobre os efeitos colaterais dos medicamentos anticoncepcionais.

Questionado se teria tocado nas partes íntimas da jovem, o homem disse que sim, mas apenas para orientá-la. Foi dada voz de prisão e o homem conduzido à Central de Flagrantes.