De sorriso no rosto, Brasil Sub-17 está pronto para encarar a França

0

No CT do Brasiliense, Seleção Brasileira fechou a preparação para o duelo pela semifinal do Mundial Sub-17

A tarde foi de muitos sorrisos na Seleção Brasileira Sub-17. Nesta quinta-feira, o Brasil enfrenta a França na semifinal do Mundial da categoria e a véspera teve muito trabalho e descontração.

--
-Continua depois da publicidade ©-
--

Após um dia de treinos regenerativos em Brasília, os jogadores da Seleção foram a campo para acertar detalhes antes do jogo. Durante a atividade, o técnico Guilherme Dalla Déa testou diferentes formações e reforçou as jogadas de bola parada.

Antes do treinamento, o treinador falou em entrevista coletiva no Bezerrão, palco do duelo com os franceses.


-Continua depois da publicidade ©-

– Tem que ser um jogo de extrema inteligência. Tem que ter um nível de concentração muito alto, de atenção. Não vamos mudar nossas características, os atletas estão preparados. É uma semifinal, mexe com os ânimos. Mas os jogadores chegaram bem, com consistência – avaliou.

Para a partida desta quinta, Dalla Déa terá todos os 20 atletas à disposição. Suspenso contra a Itália, Diego Rosa é uma opção. O meia foi titular em três das cinco partidas da Seleção no Mundial. Nas outras duas, não estava disponível para o jogo.

Autor de um dos gols do Brasil durante a vitória sobre os italianos, o meia-atacante João Peglow ressaltou que a Seleção está preparada para o desafio desta quinta-feira.

– A gente vai procurar fazer um grande jogo amanhã. As duas seleções são muito fortes, vamos buscar a vitória a todo momento. A ansiedade é normal, mas o professor Guilherme procura trabalhar o psicológico com a gente. Todo mundo está querendo jogar amanhã, vai ser uma bela partida para todos – pontuou.

Brasil e França se enfrentam nesta quinta-feira às 20h, no Bezerrão, no Gama (DF). A partida terá transmissão ao vivo do Sportv e tempo real nas redes sociais da CBF.

 

 

Seleção Brasileira chega à Arábia Saudita para enfrentar a Argentina