Os senadores aprovaram nesta semana substitutivo do senador Flávio Arns (Rede-PR) a projeto (PL 1.615/2019) que classifica a visão monocular como deficiência visual. O texto assegura à pessoa que enxerga com apenas um olho os mesmos direitos e benefícios garantidos à pessoa com deficiência. O senador Rogério Carvalho (PT-SE), que tem visão monocular, agradeceu o reconhecimento do Senado às necessidades de quem enxerga por um só olho. Os senadores José Serra (PSDB-SP), Rose de Freitas (Podemos-ES) e Davi Alcolumbre (DEM-AP) defenderam e comemoraram a aprovação da matéria. Além de Rogério e Rose, os senadores Wellington Fagundes (PL-MT) e Otto Alencar (PSD-BA) são os autores do projeto. A proposta seguiu para a Câmara dos Deputados. Saiba mais na reportagem da TV Senado.

Fonte: Agência Senado

--
-Continua depois da publicidade ©-
--