Uma professora da rede municipal de Sinop, a 503 km de Cuiabá, procurou a delegacia para registrar um boletim de ocorrência por agressão. Segunda educadora, a mãe de um aluno a xingou por não concordar com as notas baixas do filho.

Ainda segundo a profissional, a mãe já havia sido alertada sobre a situação do filho, incluindo o baixo desempenho nas provas. Na época, a mãe do aluno alegou que estaria enfrentando alguns problemas pessoais e que isso estaria atrapalhando o desenvolvimento do menino.

--
-Continua depois da publicidade ©-
--

Quanto a isso, a professora relatou no boletim de ocorrência que a direção da escola tentou ajudar a criança e conseguiu encaminhamento para acompanhamento psicológico. Entretanto, a mãe não levou o aluno à unidade de saúde e ele perdeu a vaga.

Recentemente, durante a entrega de notas, a mãe de exaltou e agrediu verbalmente a professora, por não concordar com as notas do menino.


-Continua depois da publicidade ©-

A Polícia Civil está investigando o caso. Entretanto, por se tratar de um assunto pessoal e envolver menor, o assunto segue em sigilo.

A Secretaria Municipal de Educação está apurando o caso para levantar em qual das unidades ocorreu o fato. Da mesma maneira, a partir da identificação da profissional, se prontifica a dar apoio à servidora,, bem como a dialogar com a família, visando evitar situações dessa natureza no município.