O contrato de dezembro de milho fechou com queda nesta segunda-feira, a US$ 384,00 / bushel, contra US$ 386,75 do dia anterior, com máxima atingindo US$ 386,50 (390,00) e mínima de US$ 383,25 (385,75). O milho fechou com perdas próximas a US$ 1 / tn, em um mercado esperando a evolução do clima nos EUA e as possibilidades de avançar com a colheita.

Perdas no trigo e dados de exportação ruins continuam pressionando o mercado. O USDA indicou para a exportação de apenas 380.660 tn durante a semana que terminou em 24 de outubro. Isso representa uma queda de 34,37% em relação à semana anterior e pouco acima da metade do mesmo período de 2018.

As exportações acumuladas do ano estão agora 60,14% menores do que no ano passado, tendo atingido 3,467 MT. Os 41% de colheita finalizada, apontados no relatório do USDA, vieram abaixo da expectativa do mercado, que era de que ficaria entre 46 e 48%. As previsões de chuvas para esta semana em partes da costa leste podem retardar o progresso da colheita.



--PATROCINADO--