FGV: prévia aponta recuo na confiança da indústria em outubro

0

A pesquisa prévia da Sondagem da Indústria, realizada pela Fundação Getúlio Vargas, para outubro aponta um recuo no Índice de Confiança, causado pela piora nas percepções sobre o cenário atual e sobre as expectativas.

Os dados foram divulgados hoje (22), no Rio de Janeiro, pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre/FGV), a partir de uma consulta com 790 empresas, entre os dias 1º e 18 deste mês. O resultado final da sondagem será publicado no dia 29.

--
-Continua depois da publicidade ©-
--

A prévia mostra uma queda de 1,2 ponto no Índice de Confiança, de 95,6 pontos em setembro para 94,4 pontos em outubro. Se confirmado, o patamar de confiança será o pior desde outubro do ano passado.

A queda foi mais intensa no Índice de Expectativas, em que os empresários manifestam suas perspectivas para os negócios. O índice caiu de 95,2 pontos em setembro para 93,8 pontos na prévia de outubro, o pior resultado desde julho de 2017.


-Continua depois da publicidade ©-

Quando analisado o Índice de Situação Atual, em que os entrevistados avaliam o presente, houve uma queda de 95,9 pontos em setembro para 95,1 na prévia de outubro.

A pesquisa mostra ainda uma variação de 0,1% no Nível de Utilização da Capacidade Instalada da Indústria, que subiu de 75,5% em setembro para 75,6% na prévia de outubro.

Kleber Sampaio