Um levantamento feito pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema) aponta que houve aumento de 17% do desmatamento, em Mato Grosso, no mês de julho, se comparado ao mesmo período do ano passado. Entretanto, no acumulado deste ano, o índice de desmate diminuiu 17%, segundo a Sema.

De acordo com a secretária Mauren Lazzaretti, o aumento registrado em Mato Grosso é expressivamente menor que o ocorrido em outros estados.

--
-Continua depois da publicidade ©-
--

Ainda segundo ela, no primeiro semestre deste ano, a Sema aplicou 561 autos de infração. Isso corresponde a 74% de todos os autos lavrados no ano passado. Os autos aplicados nos seis primeiros meses desse ano, geraram R$ 286 milhões em multas.

Nas ações realizadas pela em agosto e início de setembro outros 87 mil hectares autuados. O total de autos de infração gerados, somados aos anteriores, geraram um montante de R$ 430 milhões em multas.


-Continua depois da publicidade ©-

Mauren explicou ainda que, com a plataforma Planet, foi possível acessar os locais onde ocorriam os desmates em tempo recorde e isso possibilitou mais resultado às ações.

“Foi possível detectar, de forma mais rápida os locais com desmatamento e outros com fogo associado e permitiu mais eficiência nos trabalhos”, destacou.