Mulher acorda com casa pegando fogo e é socorrida por vizinhos em Mato Grosso

0
Foto: Arquivo pessoal

A casa de uma comerciante ficou totalmente destruída após um incêndio, na madrugada de sábado (20), em Poxoréo, a 259 km de Cuiabá. Anailda Ferreira, de 50 anos, diz que estava dormindo e assustou com um barulho, ao se levantar, percebeu que a casa dela estava pegando fogo.

Ela suspeita que o ex-marido tenha incendiado a casa, porque não aceitava a separação. Ela registrou boletim de ocorrência contra o suspeito.

Anailda contou que mora com o suspeito, de 55 anos, há 14 anos e com ele tem dois filhos. Segundo ela, já havia sido agredida pelo marido outras vezes, mas nunca registrou denúncia contra ele.

Há cerca de um mês, decidiu se separar. Porém, ele não teria aceitado. A comerciante saiu de casa. Mas, depois de uma denúncia de uma prima dela à polícia, o ex foi obrigado a deixar o local.

Dessa forma, ela voltou a morar na residência. Anailda diz ter sido ameaçada pelo ex-marido há cerca de uma semana.

“Ele me ligou e disse: ‘isso não vai ficar assim'”.

Na madrugada de sábado, então, ela acordou ao ouvir o estalar do fogo. Com medo de sair da casa e encontrar o suspeito do lado de fora, a vítima pegou um balde e começou a jogar água nas paredes na tentativa de resfriá-las e impedir que as chamas avançassem.

No entanto, um vizinho ligou no celular dela e disse que eles estavam do lado de fora da casa para ajudar a apagar as chamas. Ela saiu e, com a apoio da vizinhança, conseguiu apagar o fogo. Porém, a casa ficou completamente destruída.

No dia seguinte, ela foi até a delegacia e formalizou uma denúncia contra o ex-marido.

“No fundo de casa tinha um cercadinho de madeira e foi lá que o incêndio começou, então, não tem como ser acidente, alguém colocou fogo”, declarou ela.

Com medo, Anailda saiu da cidade. Com o ex-marido, ela tem dois filhos que moram com a avó.


Amazonia 03 de Junho