O motorista de uma carreta Scania 440 com reboque e semirreboque procurou no final da manhã dessa quinta-feira (11) a sede do 13º Batalhão da Polícia Militar em Lucas do Rio Verde-MT para registrar um boletim de ocorrência, a qual foi vítima de roubo, seguido de cárcere privado.

O homem contou que transitava com o veículo pela BR-163 sentido Norte, quando por volta das 23h00 da noite de quarta-feira (10) ao passar pelo município de Nova Mutum, percebeu que a carreta, que estava carregada com 36 toneladas de adubos, apresentou problemas mecânicos.

--
-Continua depois da publicidade ©-
--

E ao encostar o caminhão, foi surpreendido por dois indivíduos em posse de armas de fogo, anunciando o roubo. Os criminosos tiraram o motorista da posse do caminhão e o colocaram na parte de trás da cabine e jogaram um cobertor em cima dele”, salientou o Tenente PM Macedo.

Logo depois, os criminosos seguiram viagem sentido Lucas do Rio Verde e ao chegaram às proximidades do Posto São Genaro (50 km do centro de Lucas) “nas proximidades das duas torres e ali entraram na mata e pediram para que ele (vítima) ficasse deitado.Um dos criminosos ficou com o motorista e com uma arma de fogo fazia ameaças o tempo todo. Outros criminosos fizeram o roubo da carga”, acrescentou o militar.


-Continua depois da publicidade ©-

O motorista foi solto do cárcere privado somente às 10h00 da manhã dessa quinta-feira (11), quando os criminosos o libertaram. A vítima conseguiu chegar a Lucas do Rio Verde, onde procurou a Polícia Militar.

“Diante das informações do sistema de rastreamento do caminhão, o último sinal do caminhão tinha dado as 10h20 dessa quinta-feira no Posto São Cristóvão (30 km de Lucas). Em face disso, nos deslocamos para lá e fizemos diligências em toda região, mas não encontramos o caminhão nem os suspeitos de ter cometido o roubo”, finalizou Tenente Macedo.