44 pessoas morrem na BR-163 em Mato Grosso

Número de mortes na BR-163 diminui 23% no primeiro semestre

0

Informações divulgadas pela concessionária Rota do Oeste, apontam que no primeiro semestre deste ano encerrou com uma redução de 23% nos registros de mortes no trecho sob concessão da BR-163, entre Itiquira e Sinop, em comparação ao mesmo período do ano anterior. As informações constam em um levantamento que aponta ainda queda de 10% no número de feridos e 6% na quantidade de acidentes com vítimas.

Segundo a Rota do Oeste, de janeiro a junho de 2018 foram registrados 57 óbitos, sendo que no mesmo período deste ano foram 44 mortes. Na comparação entre os semestres dos dois anos, o número de acidentes com feridos caiu de 602 para 565 casos ao longo dos 850,9 quilômetros sob a responsabilidade da Rota do Oeste.


Continua depois da publicidade

Acidentes que envolvem motocicletas com vítimas é identificado em 54,5% dos casos. Com participação em 34,3% das ocorrências, os automóveis são o segundo tipo de veículos com maior envolvimento, seguidos dos veículos de carga (23,5%).

Entre os fatores que favorecem a queda no número de óbitos, segundo o gerente de Operações da Rota do Oeste, Wilson Ferreira, seria a fiscalização permanente realizada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), a manutenção do trecho sob concessão, além de intervenções viárias como a realizada na travessia urbana de Sorriso e a oferta de socorro imediato a quem se envolve em acidentes por meio das 18 ambulâncias da Concessionária, sendo que cinco são consideradas Unidades Tratamento Intensivo (UTIs).

-Continua depois da publicidade ©-





-Patrocinador-