Dia do Cooperativismo é celebrado em várias cidades brasileiras

0
Colniza, MT, Brasil: Trabalhadores da Cooperativa Mista de Guariba descascam castanhas colhidas na reserva extrativista Guariba-Roosevelt. (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

O Dia Internacional do Cooperativismo está sendo celebrado hoje (6) com diversas atividades pelo país. No Rio de Janeiro, por exemplo, o Dia de Cooperar ocorre em frente ao Museu do Amanhã, no Boulevard Olímpico, na Praça Mauá, na zona portuária da cidade.

Vinte cooperativas oferecem, das 9h às 16h, serviços gratuitos de cidadania, educação, cultura, saúde e estética. Além disso, as cerca de 3 mil pessoas esperadas para o evento poderão curtir apresentações musicais.

O cooperativismo trabalha na linha de frente do desenvolvimento socioeconômico do país. E o Dia de Cooperar é uma forma de expressar a força do nosso movimento, que por meio de ações voluntárias, ajuda pessoas a transformarem suas vidas”, afirma o presidente do Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado do Rio (OCB/RJ), Vinícius Mesquita.

O Dia Internacional do Cooperativismo é comemorado há 96 anos e, há 25 anos, foi adotado pela Organização das Nações Unidas (ONU). O tema mundial das celebrações deste ano é “Cooperativas pelo Trabalho Decente”.

De acordo com a ONU, o cooperativismo é um modelo de empreendimento econômico em que os trabalhadores controlam, de forma democrática, o capital resultante do seu trabalho/cooperação. Para as Nações Unidas, como as cooperativas não são centradas no dinheiro e sim nas pessoas, esse modelo não perpetua nem acelera a concentração de capital e distribui a riqueza de forma mais justa.

Ainda segundo a ONU, a primeira cooperativa de que se tem notícia foi registrada em 1761, na Escócia, por um grupo de tecelões da cidade de Fenwick.