Paulo Victor atenua goleada sofrida pelo Grêmio em jogo-treino: “Não me interessa”

0
FOTO: Matheus Beck

No primeiro teste antes de retomar o calendário de 2019, o Grêmio foi goleado pelo São José em jogo-treino na tarde de segunda-feira. Dos quatro sofridos na derrota por 4 a 1, Paulo Victor levou apenas o primeiro. O goleiro, entretanto, minimiza a derrota e reforça que a partida foi usada para experimentações.

— A derrota não me interessa. O que interessa é o planejamento que tem sido feito — diz o camisa 1 tricolor. — Ninguém quer perder, mas isso é o de menos. O importante é pensar no todo, no Bahia, que é o próximo jogo. Tem que pensar no coletivo. Faz parte do crescimento. A gente vê os acertos, os erros, e já tem outro jogo-treino na sexta.

O treinamento contra a equipe da Série C serviu para Renato Gaúcho testar o time sem um centroavante de ofício. Luan atuou como atacante mais móvel, alternando com Tardelli na armação. Por 54 minutos, o treino foi positivo, e o Tricolor criou algumas chances. Porém, no fim da primeira etapa, o Zeca pegou a defesa desprevenida e Maradona marcou o gol em Paulo Victor.

Nesta terça, apenas os quatro goleiros fizeram um trabalho mais forte. Os demais atletas de linha apenas se recuperaram do desgaste do treino da tarde anterior. Para Paulo Victor, a recuperação dos jogadores lesionados é o ponto mais positivo deste período sem jogos oficiais.

— A gente terminou sem sete ou oito titulares por lesões e convocações. Vem sofrendo com isso desde o começo da temporada. Preocupa bastante, pelo campeonato equilibrado que é, mas hoje temos só Michel com uma pequena lesão e o Marcelo (Oliveira) com algo mais grave. Ficamos tranquilos e confiantes com os profissionais de alto nível que têm aqui — declara o goleiro.

A última chance para afinar o esquema será na sexta-feira. O Criciúmaserá o adversário em novo jogo-treino no CT Luiz Carvalho. Depois, a partir da próxima quarta, serão sete jogos decisivos em 23 dias.



— Quando está na sequência direta, quer uma pausa, e quando está parado, quer estar ali dentro, em decisões, como o Grêmio está acostumado — diverte-se Paulo Victor. — O que nos deixa feliz é que os objetivos do primeiro turno foram cumpridos: ser campeão do Gauchão, o que não podemos esquecer, classificar na Libertadores e na Copa do Brasil, e sair da zona incômoda do Brasileirão. Às vezes colocamos cobranças e esquecemos das coisas boas.

O Grêmio retorna aos treinamentos na tarde desta quarta no CT, enquanto, do outro lado da BR-290, a movimentação na Arena será intensa pela semifinal da Copa América entre Chile e Peru. A última partida em Porto Alegre. Depois disso, o estádio volta a ser pintado de azul, e a Copa em questão será a do Brasil.