;
;
;
;

Diversos objetos produtos de roubo foram recuperados durante operação conjunta realizada entre as polícias civil e militar com apoio de militares do Centro Integrado de Operações Aéreas (CIOPAER) em Lucas do Rio Verde-MT.

Entre os produtos recuperados estão: aparelhos de TV; botijão de gás; bolsa feminina; aparelho de DVD e ferramentas elétricas (furadeiras e serras).


Continua depois da publicidade-pix


Os objetos, de acordo com o investigador da polícia civil, Wladimir Mesquita, foram encontrados em um terreno no bairro Téssele Júnior.

Antes, porém, de acordo com a polícia, os materiais produtos de roubo estavam escondidos em meio à mata nas proximidades do bairro, onde os criminosos utilizavam o local como uma espécie de ‘escritório’.

-Continua depois da publicidade ©-

Com a intensificação das diligências policiais na mata, inclusive com apoio do helicóptero do Ciopaer, os suspeitos retiraram os objetos do esconderijo e levaram para o terreno, onde foram localizados.

“A gente monitorando e acompanhando esses bandidos, fez com que conseguíssemos recuperar todos esses itens. Itens esses, que foram roubados a mão armada de uma fazenda próxima a Lucas do Rio Verde e também de uma empresa, onde o roubo ocorreu no setor industrial”, disse Mesquita.

Além da aeronave do Ciopaer, a polícia contou com auxílio de drones para vasculhar a mata a procura de objetos roubados.

“Isso mostra que a polícia vem fazendo um trabalho bem elaborado no quesito investigação. Na parte ostensiva também têm trazido grandes resultados e com esse trabalho conseguimos recuperar, praticamente todos os objetos roubados nessas duas ocasiões. As vítimas compareceram a delegacia de polícia e fizeram o reconhecimento dos objetos”, acrescentou o investigador.

Ainda de acordo com Wlademir Mesquita, os suspeitos de terem cometido os roubos, bem como recepcionado os produtos ilícitos, já foram identificados. Porém, ninguém foi preso até o momento.

“A polícia está aguardando simplesmente os mandados de prisão para que a gente possa dar andamento ao trabalho e prender todas essas pessoas que estão cometendo esses crimes e que estão residindo e atuando no bairro Téssele Júnior”, finalizou Mesquita.





-Patrocinador-