Um caminhoneiro foi sequestrado e mantido refém de uma quadrilha por dois dias em Várzea Grande, na região metropolitana de Cuiabá. Cássio Adriano Raspini, de 40 anos, foi encontrado na quinta-feira (6). Nove pessoas foram presa por suposto envolvimento com a organização criminosa.

Cássio havia saído de Campo Grande (MS) e foi abordado no Distrito Industrial de Várzea Grande.

Depois de ser levado para o cativeiro, outro motorista assumiu o veículo dele e seguiu viagem de volta para Campo Grande.

A família do caminhoneiro ficou desconfiada depois do sumiço e registrou um boletim de ocorrência.

Através do monitoramento, a carreta dele foi vista passando por Rondonópolis e parada em Itiquira, a 359 km de Cuiabá, quando foi recuperada.

Flávio Fonseca de Jesus, de 36 anos, que dirigia a carreta, foi preso e disse que receberia R$ 1,3 mil para levar o caminhão até Campo Grande.

Os nomes dos outros presos não foram divulgados.