MTI discute inovação e ferramenta para facilitar trabalho de desenvolvimento de aplicativos

A 2ª edição do Café Tech abordou sobre a necessidade de implantação de práticas inovadoras na empresa, além da utilização do aplicativo Docker.

0

Analistas de TI da Empresa Mato-grossense de Tecnologia da Informação (MTI) participaram, nesta quarta-feira (10.04), da segunda edição do Café Tech, que abordou a necessidade de implantação de práticas inovadoras na empresa, além da utilização do aplicativo Docker.

O Café Tech foi criado como parte da iniciativa de disseminar a cultura da inovação na empresa. Nesse segundo encontro, a analista de TI Sayuri Arake Joazeiro palestrou justamente sobre os caminhos da inovação. Com o título “Você já inovou hoje?”, a analista discorreu sobre a importância de se inovar, especialmente na área de tecnologia.

“Inovação na MTI é pegar uma ideia e fazer ela real. Queremos criar e fomentar a cultura da inovação. Temos que ter ideias para melhorar os projetos e processos que já temos”, disse.

Ainda durante o encontro, o analista de TI Rômulo Prandini Lima palestrou sobre “Docker –  uma Caixinha de Surpresas”.  O aplicativo é considerado uma tecnologia voltada para desenvolvedores e muito utilizada por diversas empresas, como Google, Amazon e Microsoft.

Segundo Rômulo Prandini, o aplicativo docker, permite colocar as aplicações em um “contêiner” onde elas podem ser testadas e implantadas antes de serem efetivamente publicadas. Com isso, evita que o desenvolvedor crie uma aplicação e, no momento da publicação, ela não funcione.

“É uma tecnologia para homogeneizar as aplicações. Isso significa que independentemente de qual é o ambiente, essa aplicação vai rodar sempre de maneira igual. Então, ela é boa para a equipe de desenvolvimento, pois garante alta disponibilidade, disponibilidade das informações e é fácil de usar, além de totalmente configurável”, disse.

Para demonstrar a facilidade do aplicativo, Rômulo Prandini mostrou na prática como se dá seu uso. “Fiz uma apresentação técnica sobre como usar e como personalizar. Fizemos um nivelamento de conhecimentos, pois o Docker é bem fácil de usar. Você só precisa basicamente executar uma instrução e o que você precisa já está funcionando”, encerrou.

Além desta edição Café Tech, estão previstos novos encontros e os próprios servidores da MTI podem participar como palestrantes. Por essa razão, segue disponível o canal para que os servidores se inscrevam. A previsão é que o Café Tech ocorra uma vez por mês.