Parceria entre Prefeitura e Ministério Público garante construção da nova sede das promotorias de Nova Mutum

0

Uma parceria entre a Prefeitura de Nova Mutum e o Ministério Público Estadual de Mato Grosso irá garantir a construção da nova sede das Promotorias de Justiça de Nova Mutum.

A notícia foi confirmada na última semana durante reunião do prefeito de Nova Mutum Adriano Pivetta e o procurador-geral de Justiça, José Antônio Borges Pereira. O encontro que aconteceu da sede do MP-MT na Capital, contou com a presença dos promotores de Justiça da Comarca mutuense, Ana Carolina Rodrigues Alves Fernandes e Henrique de Carvalho Pugliesi, e do secretário Chefe de Gabinete João Batista Pereira da Silva e o secretário de Planejamento Mauro Manjabosco.


Continua depois da publicidade-pix


A nova obra será executada por meio de um convênio onde o Ministério Público Estadual trocará a atual sede e um terreno localizado anexo, por uma nova área. A diferença de valores entre os imóveis será devolvida ao município, a quem caberá licitar e executar a obra.

Os demais custos ficarão sob a responsabilidade do MP-MT.

-Continua depois da publicidade ©-

De acordo com a coordenadora das Promotorias de Nova Mutum, a promotora de Justiça Ana Carolina Rodrigues Alves Fernandes a atual sede, construída em 2007, não comporta mais a demanda. Hoje três promotorias estão instaladas no local. “A reunião com o Procurador-geral foi muito produtiva, ele entendeu nossas necessidades e acolheu a demanda. Agora vamos passar para as tratativas formais para assinatura deste convênio. Nossa intenção é inaugurar a nova sede ainda este ano”, destacou.

O prefeito de Nova Mutum, Adriano Xavier Pivetta ressaltou que parceria semelhante a esta já foi realizada entre o município e o Tribunal de Justiça de Mato Grosso para a construção do Fórum da cidade. A unidade ficou pronta em oito meses. “O primeiro passo será finalizar o projeto da obra, quantificar os custos e depois formalizaremos o convênio entre a Prefeitura e o Ministério Público para a construção da sede”, explicou.

A nova obra será executada por meio de um convênio onde o Ministério Público Estadual trocará a atual sede e um terreno localizado anexo, por uma nova área. A diferença de valores entre os imóveis será devolvida ao município, a quem caberá licitar e executar a obra.

Os demais custos ficarão sob a responsabilidade do MP-MT.

De acordo com a coordenadora das Promotorias de Nova Mutum, a promotora de Justiça Ana Carolina Rodrigues Alves Fernandes a atual sede, construída em 2007, não comporta mais a demanda. Hoje três promotorias estão instaladas no local. “A reunião com o Procurador-geral foi muito produtiva, ele entendeu nossas necessidades e acolheu a demanda. Agora vamos passar para as tratativas formais para assinatura deste convênio. Nossa intenção é inaugurar a nova sede ainda este ano”, destacou.

O prefeito de Nova Mutum, Adriano Xavier Pivetta ressaltou que parceria semelhante a esta já foi realizada entre o município e o Tribunal de Justiça de Mato Grosso para a construção do Fórum da cidade. A unidade ficou pronta em oito meses. “O primeiro passo será finalizar o projeto da obra, quantificar os custos e depois formalizaremos o convênio entre a Prefeitura e o Ministério Público para a construção da sede”, explicou.





-Patrocinador-