Setasc participa de 1º Seminário da Assistência Social de MT

O encontro possibilitou esclarecer que o Estado está presente e que apesar da crise econômica, o governador Mauro Mendes colocou a assistência social como pauta prioritária.

0

A Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania de Mato Groso (Setasc-MT), por meio do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Criança e Adolescente (Cedca), participou na quarta-feira (06) do 1º Seminário da Assistência Social dos Municípios, com o tema “Os Desafios da Assistência Social para 2019”.

Desenvolvido pela Associação das Primeiras Damas dos Municípios do Estado de Mato Grosso (APDM), o evento teve como objetivo abordar assuntos relevantes ao tema. Também ocorreu durante o seminário o lançamento do projeto Passaporte dos Idosos e a realização da eleição unificada dos Conselheiros Tutelares 2019.


O presidente da Comissão do Direito do Idoso, Isandir Oliveira Rezende, falou sobre a relevância da iniciativa e da participação dos gestores e técnicos municipais para o fortalecimento do projeto. “O nosso objetivo é, em cima desse termo de cooperação, sair a campo com todas as primeiras-damas e criar um passaporte da pessoa idosa com a finalidade de assistir e garantir a todo idoso o direito de viajar com o benefício da gratuidade prevista no Estatuto do Idoso”, ressaltou.

O secretário-adjunto de Estado e Assistência Social e Cidadania (Setasc), Aguinaldo Garrido, apresentou durante o evento o tema ‘Os Desafios do Suas na Atual Conjuntura’. “Trouxemos um panorama da situação da assistência social que se encontra com dificuldade orçamentária no Governo Federal referente aos repasses contínuos que estão previstos no pacto federativo, além de apresentar os débitos do Estado com os munícipios”.

A apresentação possibilitou esclarecer, ainda, que o Estado está presente e que apesar da crise, o governador Mauro Mendes colocou a assistência social uma das pautas prioritárias. “Isso faz com que acreditemos que há esperança em atender todos municípios este ano”, completou o secretário-adjunto.

  Morre Marli Held, ex-vereadora de Lucas do Rio Verde

A presidente da APDM, Rafaele Oliveira Russi, participou da solenidade de abertura e destacou a importância do seminário. “Hoje se encerra o nosso mandato de dois anos, saio daqui realizada e agradeço a todos que se fizeram presentes durante esses anos e que estão na luta fortalecendo a política de assistência social. Desejo que a nova presidente possa realizar um ótimo trabalho à frente da instituição”, pontuou.

Representando a presidente do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Criança e Adolescente, o ex-presidente e conselheiro, Mauro César Souza, esteve no evento convidando as gestoras para a capacitação do Processo de Escolha Unificado de Conselheiros Tutelares 2019, que será realizado nesta sexta-feira (08), para explanar dúvidas frequentes dos municípios. Mauro ainda explicou os critérios de participação e lembrou que o processo será realizado este ano, em outubro.

Outro tema abordado que encerrou o evento foi a importância dos Gestores da Assistência Social para realização das Conferências Municipais do Direito da Pessoa Idosa. Quem ministrou a palestra foi a presidente do Conselho Estadual da Pessoa Idosa, Sandra Cristina Alvez.

No ano de 2019 vamos realizar até o mês de março as conferências municipais que tratam dos direitos da pessoa idosa em cada município. “Esse é o momento que devemos fazer reflexões, debatermos e trazermos isso para que os poderes estejam conscientes do fenômeno da inversão da pirâmide etária que está acontecendo, para que saia das estatísticas e construa a sociedade que sonhamos”.