Sem dinheiro para pagar combustível, viaturas do sistema penitenciário param em MT

0

Por falta de dinheiro para pagar fornecedores de combustível, as viaturas do sistema penitenciário do Estado vão permanecer paralisadas nesta quarta-feira (6) e não poderão ser usadas para conduzir detentos para atos judiciais em Fóruns. Em nota, a secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh) disse que está orientando diretores de presídios a informar os respectivos juízes da situação.

Sem recursos, a Sejudh está aguardando o repasse do Tesouro Estadual para fazer a regularização do pagamento da empresa fornecedora de Combustível. A assessoria de imprensa da pasta informou ao Olhar Direto que uma parcela da dívida já foi paga na semana passada e que outras duas devem ser pagas até a manhã desta quarta-feira.


Sem as viaturas nas ruas, não é possível encaminhar detentos para audiências, ou até para atendimento médico, caso precisem sair dos presídios.

A falta de pagamento se deve a crise em que o Estado atravessa. Neste mês de janeiro, o governador Mauro Mendes (DEM) tomou medidas impopulares, como escalonamento de salários e não pagar diversos fornecedores.

  Pai que engravidou a filha, deu remédio abortivo e jogou o feto dentro de rio em Mato Grosso

Nas primeiras semanas do ano, cerca de 50% das viaturas policiais foram recolhidas pela empresa fornecedora por falta de pagamento.

Veja nota da Sejudh:

A Secretaria de Justiça aguarda repasse do tesouro estadual para fazer a regularização do pagamento da empresa fornecedora de combustível. Uma parcela foi paga na semana passada e nesta terça-feira devem ser pagas mais duas.

Até que o abastecimento seja regularizado, todas as unidades prisionais estão orientadas a não fazer escoltas e informar os respectivos juízes da situação.

| deixe sua opinião |

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui