Para facilitar a entrada na terceira idade, mulheres na faixa dos 30 ou 40 anos devem se cuidar, prevenindo doenças que comumente atingem-nas durante a velhice.

As reumatologias podem ser minimizadas se o organismo estiver fortalecido, enquanto que, para prevenir a osteoporose, é importante consumir alimentos ricos em cálcio, evitar o cigarro e fortalecer os ossos com atividades físicas. Uma dica é conhecer bem o histórico médico e as tendências genéticas.


Outro ponto importante para um envelhecimento sadio é a disposição mental. É preciso aceitar que envelhecer e sofrer debilidades físicas por conta disso é inevitável, no entanto, estas limitações não devem ser encaradas de maneira negativa. Quanto maior a prevenção aos problemas físicos e a preparação para enfrentá-los, mais qualidade de vida na terceira idade.

O censo do IBGE revelou que 55,1% dos brasileiros com mais de 60 anos são mulheres. A expectativa de vida delas é, em média, de 72,6 anos, aproximadamente sete a mais do que a dos homens. Nos EUA, de acordo com a Divisão de Saúde da Mulher, uma em cada quatro mulheres terá mais de 65 anos em 2030 – por conta do baby boom da década de 70. A boa notícia é que este contingente terá a seu serviço mais opções para um envelhecimento sadio – seja pelo avanço da medicina ou das opções de atividades –, principalmente se cuidar da saúde física e mental desde jovem.

Nas últimas décadas, quando a medicina começou a estudar o envelhecimento, a qualidade de vida dos idosos melhorou significativamente. Além disso, mulheres com mais de 60 anos também mudaram o espaço que ocupam na sociedade. Elas deixaram de se concentrar apenas nos afazeres domésticos para ganhar hobbies, hábitos culturais e sair mais de casa.

De acordo com a Associação Brasileira das Agências de Viagem (ABAV), 20% da receita gerada pelo setor de turismo vêm da terceira idade. Muitas idosas têm enorme disposição para viajar.

Se você for idoso, participe de atividades físicas adequadas para sua faixa etária e realizadas na sua comunidade. Se não for, incentive seu pai, mãe, avó ou avô a participar. Com isso, a vida ficará muito melhor.

Paulista de Taubaté, Aldo José dos Santos é médico generalista graduado pela UNITAU. Colabora também no portal Leet Doc.


| deixe sua opinião |

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui