Um aposentado procurou a Polícia Civil de Cáceres, a 220 km de Cuiabá, após o vizinho ter insinuado que ele estaria mantendo relações sexuais com uma cachorra.

O aposentado de 58 anos, contou à polícia que tem uma cachorra e que o vizinho tem um cachorro, que estaria tentando entrar no quintal da casa dele para cruzar com a cadela da vítima.

Ao perceber que o cachorro do vizinho havia conseguido entrar, ele teria separado os dois animais e batido no cachorro até ele sair de sua propriedade.

O vizinho, dono do cachorro que havia apanhado, ficou irritado e teria ligado para o aposentado o ameaçando e dizendo que ele se recusava a deixar que os animais cruzassem porque ele mantinha relações sexuais com a cachorra.

O boletim de ocorrência foi registrado, mas o vizinho não foi encaminhado para a delegacia.