Mauro Mendes deve propor a extinção de outras autarquias

0
Mauro Mendes deve propor a extinção de outras autarquias, além de 9 das 24 secretarias existentes no governo anterior.

Para extinguir autarquia, governador diz que é absurdo manter empresa de mineração enquanto saúde está precária em MT

O governador Mauro Mendes (DEM) afirmou ontem, terça-feira (8) que uma das autarquias que devem ser extintas é a Companhia Mato-grossense de Mineração (Metamat).

Mendes fez uma comparação com a saúde pública oferecida pelo estado e a existência da companhia.


Continua depois da publicidade

Não tem sentido nenhum o estado de Mato Grosso, que não dá conta nem de fazer uma saúde minimamente digna, dizer que vai ter uma empresa para fazer pesquisa geológica, mexer como geologia, que é uma iniciativa da empresa privada”, afirmou.

Em projeto entregue à Assembleia Legislativa, Mendes deve propor a extinção de outras autarquias, além de 9 das 24 secretarias existentes no governo anterior.

-Continua depois da publicidade ©-

“Vamos propor a extinção da empresa que faz fomento. Podemos fazer isso através das cooperativas de crédito que existem hoje em Mato Grosso. Nós podemos prestar vários serviços de uma forma mais econômica que não onere o bolso do contribuinte e que sobre dinheiro para pagar as contas em dia”.

Mauro Mendes pediu a extinção das secretarias de Cidades, Agricultura Familiar e Assuntos Fundiários, Planejamento, os gabinetes de Assuntos Estratégicos, Articulação e Desenvolvimento Regional, Transparência e Combate à Corrupção, Comunicação, e de Governo, além da Casa Militar.

A Casa Civil ficará responsável pela Comunicação, Governo, Articulação e Desenvolvimento Regional e Assuntos Estratégicos.

A Controladoria Geral do Estado passa a responder também pelo Gabinete de Transparência e Combate à Corrupção, enquanto a Secretaria de Desenvolvimento Econômico responderá pela Agricultura Familiar e Assuntos Fundiários.





-Patrocinador-