Palmeiras inicia pré-temporada com jogadores de sobra e ainda trabalha para reduzir elenco

0
Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

Trinta e sete jogadores estiveram na Academia de Futebol na última quinta-feira, no primeiro dia de trabalho do Palmeiras na pré-temporada. O número nem leva em conta o atacante Willian, que se recupera de cirurgia e só voltará a atuar no segundo semestre.

Em nota divulgada em seu site oficial, o Palmeiras admite que o zagueiro Pedrão e o meia Vitinho “têm empréstimos encaminhados com outras equipes”. Neste caso, o elenco cairia para 35 nomes. Quantidade considerada grande mesmo assim.

Embora a diretoria não revele o número ideal com o qual a comissão técnica de Luiz Felipe Scolari pretenda trabalhar, é sabido que outros jogadores deverão ser emprestados para reduzir o elenco.

Para a disputa do Campeonato Paulista, o regulamento permite a inscrição de até 26 jogadores mais uma lista ilimitada de jogadores formados na base, com idade entre 16 anos e nascidos até 1998.

Lista B e prazos

O atacante Yan, que integrava o time sub-20 até a temporada passada e nasceu em setembro de 1998, encaixa-se no segundo caso. Ele já trabalhou com o elenco principal na última quinta-feira. Ainda assim, sobrariam oito jogadores não inscritos.



É obrigatório o envio de uma lista inicial para a disputa da primeira rodada da competição estadual até 17 de janeiro. Mas a relação poderá ser preenchida ao longo da primeira fase da competição até 1º de março – com permissão de quatro substituições a partir das quartas de final.

O Palmeiras estreia em 20 de janeiro diante do RB Brasil, fora de casa. Será o reencontro do atacante Felipe Pires com o clube pelo qual ele jogou antes de rodar pelo futebol europeu.

Ele é um dos cinco reforços até o momento para a temporada. Também chegaram o volante Matheus Fernandes, o meia Zé Rafael e os atacantes Arthur Cabral e Carlos Eduardo.