Time Carille: comissão técnica do Corinthians cresce com retorno do treinador

0
Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Fábio Carille não volta ao Corinthians sozinho. Junto com o treinador retornam outros quatro profissionais que trocaram a comissão técnica do Timão pela do Al-Wehda, da Arábia Saudita, há sete meses.

São eles: o auxiliar técnico Leandro da Silva, conhecido como Cuca, o preparador físico Walmir Cruz, o observador Mauro da Silva e o analista Dênis Lupp. A exceção é Mauri Lima, preparador de goleiros que foi vetado pela diretoria alvinegra e seguirá no Al-Wehda.

Com os retornos, a comissão técnica do Corinthians vai crescer e pode passar por mudanças no futuro.

O principal dilema do Corinthians está na preparação física. Walmir Cruz se juntará a Anselmo Sbragia, profissional que estava nas categorias de base do Timão e foi promovido em junho.

Mas, além da dupla, o Corinthians conta com outros quatro auxiliares de preparação física: Fabricio do Prado, Shih Chien Chan, Leandro da Silva e Flávio Furlan. Um deles pode ser realocado na base do Timão.

Dênis Lupp, que era o chefe do CIFUT (Centro de Inteligência do Futebol) antes de ir para o Al-Wehda, deve ficar como auxiliar de Carille, mais ligado às atividades de campo no dia a dia. Assim, Bebeto Sauthier, contratado da Chapecoense em julho, seguirá à frente do departamento de análise de desempenho.

As saídas recentes dos auxiliares Osmar Loss e Dyego Coelho, que foram para o Guarani, ajudaram a evitar um inchaço na comissão técnica corintiana. Além de Leandro da Silva e Dênis Lupp, Carille terá Fabinho ao seu lado.

Leandro Idalino, promovido do time sub-20 no meio da temporada, seguirá como preparador de goleiros do Corinthians.