Plantio de mamão formosa garante renda a agricultor de Rosário Oeste

0

No município de Rosário Oeste, a 133 km de Cuiabá, o agricultor Ezequias de Oliveira decidiu apostar no plantio de mamão. Há 12 anos ele investe na fruticultura, e, somente na última colheita, a produção total de mamões chegou a cerca de 1500 frutas. Tudo isso é vendido nos mercados locais, no município vizinho Nobres e na central de distribuição de hortifruti de Cuiabá.

“Eu optei pelo cultivo de mamão por causa da capacidade de produção por hectare comparado com outro tipo de plantação”, conta Ezequias. O produtor rural tem uma pequena propriedade de 21 hectares com três mil pés de mamão. Porém, acredita bastante no potencial da fruta e faz planos de expandir o negócio – quer plantar mais três mil pés já no início do próximo ano.

Além do plantio de mamão, o produtor rural investe no cultivo de abacaxi, banana, jiló e pimentão. A ideia é fazer um rodízio de cultura. “No momento eu estou aproveitando uma lavoura de mamão velha, estou com 1500 exemplares de pé de banana”, diz. O cultivo de banana também deu tão certo que rendeu novos planos. No início do ano que vem, devem ser plantados mais 7500 pés de banana, o correspondente a cinco hectares de terra.

Ezequias é um dos associados RedeCoop. A Rede de Apoio, com atuação em diversos municípios do Mato Grosso, busca, principalmente, fortalecer cooperativas, associações e empreendimentos individuais voltados à produção e agroindustrialização de pequeno porte.

Foto: Assessoria.



| deixe sua opinião |

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui