Bombeiros de Pirapora no local da queda do avião – Corpo de Bombeiros/Divulgação /

O empresário Adolfo Geo, que possui empresas ligadas ao universo da construção civil e criação de gado, é uma das quatro pessoas que morreram em um acidente aéreo ocorrido na manhã desta segunda-feira (26), na zona rural de Jequitaí, no Norte de Minas. De acordo com o Corpo de Bombeiros, não há sobreviventes na queda do avião de pequeno porte.

O acidente aconteceu quando o avião se preparava para pousar na fazenda Fortaleza Santa Terezinha. Além de Adolfo Geo, dono do avião e da fazenda, morreram também a esposa dele, Margarida Janete Geo, o piloto e o co-piloto.


Continua depois da publicidade

Equipes do Corpo de Bombeiros de Pirapora fizeram o primeiro atendimento no local do acidente. Uma aeronave dos bombeiros de Montes Claros também foi deslocada para o local. A reportagem entrou em contato com a Aeronáutica, mas ainda não obteve resposta se o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) já foi acionado para investigar as causas do acidente.

Corpo de Bombeiros/Divulgação /

Este é o segundo acidente áreo em Minas Gerais neste mês de novembro. Cinco pessoas de uma mesma família morreram na queda de um avião em Patos de Minas, no Alto Paranaíba, no último dia 4. O casal de médicos e os três filhos haviam saído de Varginha, no Sul de Minas, em direção a Brasília, onde moravam.

-Continua depois da publicidade ©-




-Patrocinador-