Desenvolve MT realiza a 2º entrega de títulos definitivos no CPA

Desenvolve MT realiza a 2º entrega de títulos definitivos no CPA

0

O Governo do Estado de Mato Grosso, por meio da Agência de Fomento – Desenvolve MT, entregou na noite desta quinta-feira (22.11), a 2º etapa de títulos definitivos do Programa ‘Endereço Certo’, para as famílias que moram na região da Grande Morada da Serra, em Cuiabá. A solenidade realizada na Paróquia Coração Imaculado de Maria, na Av. Garça Real nº 905, quadra 133, no CPA IV.

Nesta etapa, cerca de 700 famílias receberam o documento do imóvel do conjunto habitacional das casas da extinta Companhia de Habitação do Estado de Mato Grosso (Cohab/MT). Somando com a primeira entrega em junho deste ano, o número de mutuários contemplados chega a 3.700 só nos bairros do CPA I, II, III e IV.

O presidente da Desenvolve MT, José Adolpho Vieira, que participa de todo o processo do ‘Endereço Certo’, diz que a regularização imobiliária é uma vitória para as famílias mato-grossenses e para todos que trabalham em prol desta grande ação. “Este é um programa histórico, que ficará marcado na trajetória politica de Mato Grosso e na memória do cidadão que por anos esperavam a escritura do seu imóvel”, falou Adolpho.

Além dos benefícios que o mutuário passa a ter depois de escriturar a casa; em Cuiabá o morador pagará apenas um valor simbólico referente ao Imposto sobre Transmissão de Bens do Imóvel (ITBI). Em agosto deste ano a Câmara Municipal aprovou o Projeto de Lei Complementar nº 445/2018, que reduz em 0,01% a alíquota do ITBI.

Após esperar por 39 anos Edir Paim se emocionou ao receber o documento. “Se passaram anos da minha vida esperando este documento que por vários motivos não consegui regularizar. Hoje, eu e minha filha, estamos completamente felizes”, vibrou de emoção a aposentada.

Desde março deste ano, o Programa ‘Endereço Certo’ já beneficiou mais de 8.500 famílias que moram nos conjuntos habitacionais das casas da extinta Cohab. De acordo com José Adolpho, o objetivo é chegar ao total de 10 mil títulos até dezembro.