Botafogo x Corinthians: Jair Ventura reencontra clube onde trabalhou por nove anos

0
Foto: Marcos Ribolli

Jair Ventura admite a quem lhe pergunta que esta é uma semana especial em sua carreira.

Técnico do Corinthians há menos de dois meses, Jair Ventura, aos 39 anos, terá pela primeira vez como adversário o Botafogo, clube que o projetou para o futebol nacional. O duelo será neste domingo, às 17h (de Brasília), no Engenhão, válido pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro.


Filho de Jairzinho, um dos maiores ídolos da história do Botafogo, Jair chegou ao clube carioca ainda em 2008 para atuar como o quarto auxiliar da preparação física. No ano seguinte, passou a assistente técnico de Ney Franco. Também fez bom trabalho como treinador do sub-20 alvinegro.

O grande momento de Jair no Botafogo aconteceu entre 2016 e a Libertadores de 2017. Efetivado em agosto daquele ano, assumiu na 17ª posição, a primeira da zona do rebaixamento. Terminou a competição como quinto colocado e classificado à principal competição do continente.

No ano seguinte, fez bonita campanha com o Botafogo, passando nas fases preliminares por campeões como Colo-Colo, do Chile, e Olímpia, do Paraguai. Na fase seguinte, liderou o grupo que contava com Estudiantes, da Argentina, Barcelona de Guayaquil, do Equador, e Atlético Nacional, da Colômbia. Nas oitavas, eliminou o Nacional do Uruguai, mas a participação acabou interrompida nas quartas de final, diante do Grêmio, que acabaria a competição com o título continental.

  Marta defende esporte como ferramenta em busca da igualdade de gênero
Ao todo, Jair Ventura comandou o Botafogo por 95 partidas. No fim de 2017, aceitou proposta do Santos, onde ficou até agosto deste ano – antes de enfrentar o ex-clube, ainda no primeiro turno do Brasileirão.

Por conta dos vários anos dentro do Botafogo, o técnico afirma que ainda mantém muitos amigos no elenco atual e no quadro de funcionários do clube carioca.


| deixe sua opinião |

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui