Cristiano Ronaldo revela mágoa com Florentino Pérez: “Tudo que dizia não vinha do coração”

0
Foto: Reprodução

A relação de Cristiano Ronaldo com o presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, sempre foi tratada pela imprensa espanhola como complicada, apesar de os dois sempre terem tratamento cordial fora dos bastidores. Mas, em entrevista à revista “France Football”, CR7 confirmou os rumores de que passou a não se sentir bem tratado pelo mandatário.

“Florentino nunca me viu além de uma relação de negócios. Tudo o que me dizia não vinha do coração”, disse Cristiano Ronaldo.

O craque português apontou que, no processo que levou a sua transferência para a Juventus, contou o fato de não ver mais uma valorização por parte da diretoria – negando que a saída de Zinedine Zidane tenha tido influência na decisão.


– Sentia que dentro do clube, sobretudo por parte do presidente, não me consideravam como no começo. Nos quatro ou cinco primeiros anos, tinha a sensação de ser Cristiano Ronaldo. Depois, menos. O presidente me olhava como se eu não fosse mais indispensável.

Drama familiar após acusação de estupro

– Deu explicações à minha parceira. Meu filho, Cristiano Junior, é muito pequeno para entender. O pior é para minha mãe e minhas irmãs, estão atordoadas e ao mesmo tempo muito enojadas. É a primeira vez que as vejo neste estado – relatou.





| deixe sua opinião |

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui