Saiba como escolher um carregador portátil eficaz e seguro

0
© iStock

As novas tecnologias mudaram totalmente nossa dinâmica de comunicação, tornando a mobilidade parte essencial do dia a dia. Com isso, equipamentos como carregadores de bateria portáteis tornaram-se artigos fundamentais. Mas como escolher o modelo certo para a sua necessidade? Quais cuidados devemos tomar antes de adquirir um carregador? A Sony elencou três importantes dicas. Confira abaixo:

1. Entenda a embalagem


Ao chegar em uma loja ou pesquisar pela internet, inúmeras opções de carregadores aparecerão com diferentes marcas, números e nomenclaturas. Como entender tudo isso? Para começar, procure na embalagem ou no próprio produto pelo selo da Anatel – Agência Nacional de Telecomunicações – que regulamenta o setor. Em 2007, foi criada uma regulamentação voltada para baterias e carregadores de celulares com o objetivo de fazer um controle mais rigoroso quanto a qualidade e segurança desses produtos, já prevendo uma grande demanda e a possibilidade de falsificações ou equipamentos muito inferiores causando perigo no uso.

Em seguida, é necessário entender os números e a nomenclatura. A unidade de medida usada para esse produto é de mAh, ou seja, miliampère-hora, que tem o objetivo de informar o tempo de duração da bateria, por isso, quanto maior o miliampère-hora indicado na bateria, mais longo é o período que o seu aparelho pode ficar desconectado da tomada. De acordo com os celulares de hoje, que exercem inúmeras funções e tiveram um aumento muito expressivo de uso diário, podemos dizer que:

• 5.800 mAh equivale a uma carga e meia, se for para uso pessoal;

• 10.000 mAh equivale a duas cargas e meia, se for para uso profissional;

• 20.000 mAh equivale a cinco cargas, podendo ser usado por família, de forma compartilhada com diversos dispositivos.

2. Fique de olho no custo-benefício

A variação de preço entre um produto e outro pode fazer com que muitos consumidores optem pelo de menor valor, mas é importante ficar de olho no que está sendo comprado. Os carregadores Sony têm vida útil superior a três anos, enquanto os demais encontrados no mercado com valor inferior e de marcas desconhecidas duram no máximo um ano. Ou seja, se contabilizar o custo-benefício de uma escolha por um carregador como os CP-E6, CP-V20 e CP-V10B, você terá um investimento certeiro, que não te deixará na mão ao longo dos anos.

  Brasília Photo Expo começa hoje e vai até domingo

3. Se importe com a segurança

A segurança contra curto-circuito ou superaquecimento do produto é fundamental para sua utilização. Por isso, é importante verificar se, além da certificação, o produto possui outras ferramentas, como:

• Gel híbrido: serve como uma camada interna e extra que protege contra possíveis atritos, batidas e quedas do produto;

• Circuitos de proteção: são circuitos desenvolvidos para agir de forma inteligente quando detectada uma sobrecarga de energia;

• Termômetro: nos carregadores da Sony, são em média três termômetros internos em cada produto para evitar justamente o superaquecimento ou algum incidente desnecessário.

A partir dessas informações, busque o produto que mais combina com você e que será verdadeiramente útil e seguro para o uso de seus gadgets.

Carregadores com entrada tipo C

Seguindo a tendência dos novos smartphones, que já são produzidos com entrada USB-C e garantem uma velocidade até três vezes mais rápida de transferência, a Sony lançou recentemente o modelo CP-VC10, que conta com duas saídas (tipos A e C) com 10.000 mAh de capacidade. Esse novo padrão USB-C possibilita que os smartphones sejam carregados com maior potência, ou seja, a bateria alcançará o 100% rapidamente – sendo carregados duas vezes mais rápido. Além do cabo, a Sony possui outros gadgets com a conexão Tipo C.





| deixe sua opinião |

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui