Em nota, PSDB afirma que Taques não vai recuar de candidatura

0

Eleições em Mato Grosso: Inúmeros boatos circulam sobre a um possível recuo do governador Pedro Taques na luta pela reeleição. Os boatos surgiram após  voltar à tona as notícias de esquema de escutas ilegais popularmente chamado de Grampolândia, e também de um suposto racha no PSDB após declarações da pré-candidata ao Senado, Selma Arruda (PSL) que disse que os seus apoiadores estão liberados para não votar em candidatos tucanos, apesar de chapa.

A polêmica tomou conta dos bastidores e uma ala insatisfeita do PSDB quer a segurança de que Selma não volte a falar contra o PSDB de modo generalizado, prejudicando outros nomes da sigla com a sugestão de corrupção.
 
Leia a íntegra da nota do PSDB negando o recuo de Taques.
“Diante dos recentes rumores veiculados, o Diretório de Mato Grosso do PSDB vem a público esclarecer que:
1) Não houve a cogitação de que o governador Pedro Taques recue de sua pré-candidatura à reeleição, que será confirmada na próxima semana durante convenção do partido:
2) O deputado federal Nilson Leitão é pré-candidato a senador pela sigla, candidatura que também será confirmada com a aclamação dos delegados e convencionais do PSDB durante a convenção;
3) O PSDB aproveita para convidar para a Convenção Estadual da sigla, que será realizada no próximo domingo (5), a partir das 9h, no Hotel Fazenda Mato Grosso”.
Quem assina a nota é o Diretório estadual do PSDB de Mato Grosso.
 

  Bancada feminina na Câmara sobe de 51 para 77 deputadas




| deixe sua opinião |

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui