Homem tenta subornar a polícia dizendo ser filho de presidente de Câmara

0

Um rapaz foi detido na noite do último sábado (28), na cidade de Acorizal (70km de Cuiabá), por volta das 23h20, por porte ilegal de arma de fogo e corrupção ativa. Ele tentou subornar os policiais dizendo ser filho do presidente da Câmara de Vereadores da cidade.
 
De acordo com o Boletim de Ocorrências nº 2018.236925, o fato aconteceu no Distrito de Baús. A Polícia fazia patrulhamento no local, quando avistou dois homens em uma motocicleta, sendo que o que estava na garupa não usava capacete. Ao avistar a PM, eles fugiram em alta velocidade e iniciou-se uma perseguição.
Em dado momento, o garupa pulou da motocicleta em movimento, e correu em direção a um matagal. O motociclista logo perdeu o controle e caiu. A polícia conseguiu fazer a abordagem, e o suspeito afirmou que havia uma arma de fogo no baú da moto.
O suspeito também disse para os policiais que seria melhor ‘resolver por ali mesmo’, oferecendo para que eles ficassem com a arma e que, se fosse preciso, conseguiria mais dinheiro ‘porque seu pai é presidente da Câmara de Acorizal’.
Ele foi encaminhado à Central de Flagrantes algemado, por receio de fuga. A arma, um revólver 38 Taurus, e 5 munições .38 foram apreendidos.
A reportagem tentou contato com o presidente da Câmara de Acorizal mas não obteve sucesso.

  Seges e CGE realizam workshop para ouvidores do Estado

| deixe sua opinião |

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui