Galo avança na Copa do Brasil

0

O Atlético está na segunda fase da Copa do Brasil. Na noite desta quarta-feira, o Galo eliminou o Atlético-AC ao empatar por 1 a 1 com o xará acreano, no jogo único da primeira fase. A partida foi disputada na Arena da Floresta, em Rio Branco, o Acre.

O Galo tinha a vantagem do empate e teve o seu gol marcado por Erik, depois de boa jogada de Roger Guedes e rebote do goleiro.


Na próxima etapa da Copa do Brasil, o Galo enfrentará o Botafogo-PB, em João Pessoa, na Paraíba, em 20 ou 21 de fevereiro. A segunda fase também é disputada em partida única, com decisão nos pênaltis em caso de empate.

O Atlético volta a campo neste sábado para enfrentar a Caldense, às 16h30, na Arena Independência, pelo Campeonato Mineiro.

 

O JOGO

O Galo foi ao ataque pela primeira vez no cruzamento de Otero pela esquerda e a bola atravessou a grande área, sobrando para a defesa acreana. Em seguida, o venezuelano cobrou falta da intermediária e a bola saiu com perigo, à direita do gol.

Aos seis minutos, João Marcus fez 1 a 0 para o Atlético-AC. O Alvinegro tentou reagir na finalização de Ricardo Oliveira, defendida pelo goleiro Raphael.

O Galo teve uma sequência de escanteios conquistados em jogadas de Roger Guedes e Erik, mas as cobranças não foram aproveitadas.

Roger Guedes deu ótimo passe para Erik, aos 17 minutos, mas a conclusão do atacante desviou no zagueiro e foi para fora.

Ricardo Oliveira foi derrubado pelo zagueiro na grande área, aos 23 minutos, mas a arbitragem interpretou o lance como normal.

O Atlético fez nova tentativa no chute de fora da área de Otero, por cima do gol. Aos 37, Fábio Santos foi à linha de fundo pela esquerda, mas o cruzamento saiu com muita força.

Depois de pressionar na finalização de Otero e cruzamentos de Samuel Xavier e Fábio Santos, o Galo chegou ao empate com Erik. No lance, Roger Guedes invadiu a área pela esquerda, passou a bola entre as pernas do seu marcador e concluiu, o goleiro deu rebote e Erik aproveitou para igualar o marcador: 1 x 1.

  Marta defende esporte como ferramenta em busca da igualdade de gênero

 

SEGUNDO TEMPO

O Atlético voltou do intervalo com a mesma formação. Aos oito minutos, o time da casa levou perigo no chute de Polaco, na trave. Três minutos mais tarde, Roger Guedes foi substituído por Luan.

O Galo teve boa chance com Ricardo Oliveira, aos 20 minutos, mas a finalização do atacante foi defendida pelo goleiro Raphael.

Erik deixou o campo os 25 minutos para a entrada de Marco Túlio. Aos 28, depois de boa trama ofensiva envolvendo Luan e Ricardo Oliveira, Marco Túlio cruzou e Elias se atirou na bola, que saiu rente à trave.

Adilson entrou no lugar de Arouca, aos 35 minutos. Aos 39, Marco Túlio fez boa jogada pela esquerda e cruzou para o corte da zaga acreana.

Ricardo Oliveira tentou assistência para Marco Túlio, mas o passe foi interceptado pelo zagueiro.

Aos 43, Marco Túlio recebeu grande passe de Luan na entrada da área e finalizou, mas a bola foi desviada pelo zagueiro. Em lance parecido, aos 46, Luan tocou rasteiro, Ricardo Oliveira deixou a bola passar e o arremate de Marco Túlio foi por cima do gol.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-AC 1 x 1 ATLÉTICO
Motivo:
 Copa do Brasil (Primeira fase)
Data: 7/2/2018
Hora: 21h45
Estádio: Arena da Floresta
Cidade: Rio Branco-AC
Gols: João Marcus (6’ – 1ºT), Erik (43’ – 1ºT)
Árbitro: João Batista de Arruda (CBF/RJ)
Assistentes: Dibert Pedrosa Moises (CBF/RJ) e Luiz Antônio Muniz de Oliveira (CBF/RJ)
Cartões amarelos: Samuel Xavier, Elias, Otero (Atlético) Leandro Jucá, Matheus Damasceno (Atlético-AC)

Atlético-AC
Raphael Barrios; Matheus Damasceno, João Marcus, Diego, Jeferson; Leandro Jucá (Wilson), Jackson Kássio, Ancelmo (Luiz Henrique), Araújo Jordão (Eduardo); Rafagol, Polaco. Técnico: Álvaro Miguéis.

Atlético
Victor; Samuel Xavier, Leonardo Silva, Gabriel, Fábio Santos, Arouca (Adilson), Elias, Erik (Marco Túlio), Otero, Roger Guedes (Luan), Ricardo Oliveira. Técnico: Oswaldo de Oliveira.


| deixe sua opinião |

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui